domingo, 30 de agosto de 2015

Projetos em discussão

No dia de ontem comparecemos à casa do Capitão Samuel para ouvirmos sua pauta de projetos para a categoria.

O leitor tem que entender que muitas movimentaçoes políticas não devem ser levadas ao conhecimento da grande massa para não insuflar as outras categorias assim como nao atrapalhar os trâmites de nosso projeto.

Pela primeira vez na história da PMSE estamos assistindo a projetos que saem da propria corporação serem levados ao debate político. Num passado recente, recebíamos o que era nos dado.

O capitao Samuel fez questao que registrássemos que seu gabinete é aberto a todos os militares do estado de Sergipe e faz questao de receber a todos. Postura de um verdadeiro representante da classe.



QUE DEUS NOS AJUDE E OLHE POR NÓS!

4 comentários:

  1. Entendemos que política se faz nos bastidores com negociações e negociatas, no entanto, esse silêncio é ensurdecedor.Haja vista que já fomos uma das policias mais bem pagas do País e servíamos de referencia para os demais, hj não somos nem sombra daquelas manifestações e amargamos um dos piores salários do País.

    ResponderExcluir
  2. Blog calado novamente.... Mas que beleza! Enquanto isso mais e mais colegas de farda estão sendo mortos e o nosso salário achatado. Cadê o movimento das associações unidas? Unidas pelo próprio interesse?

    ResponderExcluir


  3. telasmosquiteiras-sp.com.br

    Telas mosquiteiras São Paulo
    Telas mosquiteiro SP

    As Telas mosquiteiras sp, Telas mosquiteiro SP garantem ar puro por toda casa livrando-a completamente dos mosquitos e insetos indesejáveis. As
    Telas mosquiteiras garantem um sono tranquilo a toda família, livrando e protegendo-nas dos mais diversos insetos. Muitos destes insetos são transmissores de doenças e a
    Tela mosquiteira é indispensável no combate a mosquitos transmissores de doenças.

    A dengue, por exemplo, já matou centenas de pessoas só na capital de São Paulo e um pequeno investimento em nossas
    Tela mosquiteira podem salvar vidas. As
    Telas mosquiteiras também impedem a entrada de insetos peçonhentos como as aranhas e os escorpiões, estes insetos também oferecem risco, pois seu veneno em poucos minutos podem levar uma criança a morte.



    Telas mosquiteiras São Paulo

    Telas mosquiteiras sp
    Telas mosquiteiras Jundiaí
    Telas mosquiteiras Campinas
    Telas mosquiteiras Valinhos
    Telas mosquiteiras Alphaville
    Telas mosquiteiras Granja Vianna
    Telas mosquiteiras SP

    ResponderExcluir
  4. "Polícia para quem precisa de polícia!" (Polícia - Tony Bellotto)

    O princípio da imparcialidade jamais deve ser esquecido por um bom policial. Se tal profissional não se atém a esse princípio, ele é um profissional mal formado e que precisa rever seus conceitos, ou até mesmo voltar para a academia para fixar esse aprendizado tão importante para a execução de suas atividades.

    "Ou todos os policiais são especiais, ou nenhum deles serão" (Major Aurélio - PMSE.

    Tem policial que veste uma farda com padrão diferente, faz parte de um grupo dito como "especial", mas age como o pior dos amadores da tão prezada milícia, e o pior, sujando a imagem de toda a corporação.
    O policial jamais, em circunstância alguma, deve esquecer do princípio da imparcialidade. Com ele você faz perguntas e não sai defendendo e nem condenando as pessoas, até porque isso só cabe ao juiz.
    Numa abordagem policial, por mais que os abordados estejam errados, por mais que exista ali um colega de trabalho sendo submetido ao estrito exercício de direito, um bom policial jamais deve sugerir, afirmar ou mesmo já julgar que o indivíduo seja um criminoso, principalmente se não há provas necessárias para isso.

    É, senhores do GATI... Boa parte de vocês estão longe de serem especiais. Boa parte estão mais é despreparados. Mas a culpa não é do grupamento, e sim do governo que não fornece um treinamente mais específico, e também a falta de vontade do policial buscar agir sempre nos parâmetros da lei e também usar do bom senso.

    Aqui quem fala é o Sd 204139 Lucimar Oliveira Barros. Como já fiz em outras postagens, medo é algo que já não existe em mim desde o momento que adquiri uma infeliz disfunção cerebral. Não tenho medo de ninguém e nem da morte. Costumo dizer que o ue tenho é respeito pelas pessoas, sejam elas quem forem, algo que sugiro que vocês possuam também. Porque abordar uma pessoa trabalhadora, sem passagens, e chamá-la de usuária de drogas, palhaço, e praticamente agredí-la fisicamente ao mandar abrir as pernas na abordagem, isso mostra um despreparo total do policial em especícifico. Sem falar que tentou por palavras em minha boca dizendo que chamei a guarnição de "porra", quando simplesmente, eu, o soldado Oliveira, que em modéstia parte, acabei sozinho com um sistema de corrupção que estava estabelecido na sede do 2BPM, apenas me identifiquei como sendo também um policial militar.

    Volte para a academia soldado. Você necessita urgentemente aprender a como se portar numa abordagem policial, talvez até precise de um psicólogo para conseguir se manter imparcial, caso contrário, sua carreira pode ser curta na briosa.

    ResponderExcluir