domingo, 23 de setembro de 2012

FAÇA SUA PARTE, BOMBEIRO E POLICIAL MILITAR!


CARREATA DA VITÓRIA!
3O de Setembro
Concentração 9h no final de linha do Conj. Bugio NA LATERAL DO G. BARBOSA 
SAÍDA PREVISTA ÀS 10H.

SARGENTO VIEIRA 22 330 uma história de luta!


 PERCURSO:            
Rua A3
Av. Poço do Mero
Rua Geny da Silva Dias
Rua Radialista José da Silva Lima
Av. Santa Gleide
Rua Carira
Rua José de Oliveira (sentido PAC. do Dom Pedro).
Rua k
Rua O
10º Rua José de Oliveira (Sentido Conj. Agamenon Magalhães)
11º Rua Nossa Senhora de Fátima
12º Rua Mato Grosso
13º Rua Paraíba
14º Rua Rio Grande do Sul
15º Av. Rio de Janeiro
16º Rua Nestor Sampaio

17º Rua Castro Alves (Rua do Batalhão de choque)
18º Rua João Gomes (sentido Conj. Médice).
19º Av. Luciano Monteiro Sobral
20º Av. Adélia Franco (contornando o viaduto sentido Emes)
21º Av. Tancredo Neves
22º Av. Beira Mar (entrando no farol em direção ao Conj. Augusto Franco)
23º Canal 5
24º Canal 4
25º Praça da Juventude no Conjunto Augusto Franco (Ponto final)
 3O de Setembro
QUE DEUS NOS AJUDE E OLHE POR NÓS!

121 comentários:

  1. É a hora de revindicarmos os nossos pleitos de um comando de promessas, do nada e do nada: Ticket Refeição, Adicional Noturno, Carga Horária, Lei de Fixação, LOB, Nível Superior. Cai Fora Iunes das promessas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. cel iunes não tem culpa alguma sobre a situação da pmse, qualquer cmt que assumir esta policia não vai fazer nada, pois o deda este ano não vai oferecer nada, eu só lamento eu está vendo uns dos nossos lider em revindicação pedir voto para JOÃO ALVES, é um vergonha e idignação, pois brigamos tanto contra JOÃO, agora que ressussitar!!!! não mim importa se é do mesmo partido ou não, procurava outro PARTIDO OU OUTRA COLIGAÇÃO, NAO TEM DESCULPA, E VEREADOR NÃO TAM NEHUMA REPRESENTATIVIDADE NO ESTADO. FORA VIEIA - FORA EDGAR - FORA SAMUEL- TEMOS QUE ESCOLHER OUTROS LIDER COMO O SARGENTO PRADO QUE NÃO PULOU A CERCA. VALDRES FILHO NELES- PARA CALR A BOCA DE SGT VIEIRA. sgt vieira JOÃO VAI PERDER NÃO TOUÇO CONTRA VOCÊ, MAS TAMBÉM NÃO VOTO, EU E MILHARES DE MILITARES.

      Excluir
    2. saiu a pesquisa para vereador de ARACAJU, SGT VIEIRA ESTÁ EM 48º COLOCADO,CONFIRA NO TRE. eu avisei SGT VIEIRA JOÃO ALVES JOGOU COM VOCÊ EVOCÊ CAIU NA PROMESSA DELE,ESTÁ TUDO COMBINADO ENTRE DEDA E JOÃO PARA TIRAR SEU PRESTIGIO E ESTÁ CONSEGUINDO DE UMA RESPOSTA, AOS SEUS AMIGOS SOBRE ESTE ACORDO FEITO EMBAIXO DO BASTIDORES,SE Não você não vai ter voto nem da sua FAMILIA.
      QUE DEUS NOS AJUDE

      Excluir
    3. Se pesquisa ganhasse votos, vc seria o maior corno de sergipe.
      Deixe este blog seu pulha de uma egua.
      Aqui só cabe militar, amigos de militar e suas familia e não um desesperado, vendido como vc, que acredita em uma pesquisa fajuta.

      Excluir
    4. AO TEN.CEL CAMPOS.

      Sr.Ten.Cel Campos venho por meio deste falar com o senhor porque não tem outra forma tão direta e franca quanto esta que nos é oferecida através deste blog,se o senhor não vier a ler espero que alguém com quem conviva diariamente no trabalho o faça.
      Pois bem,não sei se o senhor reparou más nos comentários da postagem anterior deitaram "a madeira" na sua pessoa,acusando-o inclusive de "fazer parte do sistema" corrupto que impera ou imperava na área das licitações,culminando com o recente episódio da "troca" dos lanches licitados pelos de inferior qualidade hora ofertado,como rancho da madrugada.Embora senhor Ten.Cel,outro leitor tenha postado nos comentários da referida postagem o que realmente aconteceu(onde o Cel.Jackson foi quem realmente invadiu a área e mandou que fosse feita a troca do lanche licitado pelo atual,onde o senhor por ser mais moderno a época e inferior hierárquico agora,não pode fazer "nada")a sua imagem é que fica arranhada,pois todos sabem que o senhor como PM/4 tem autonomia pra isso,a seara é sua,e a coisa perdura é na sua gestão,portanto abnegado militar o conselho que te dou é:CAIA FORA DESTA FUNÇÃO!!O senhor já viu a que serve esta função na configuração atual do sistema,o último que por ela passou,a pouco tempo diga-se de passagem,agora é Coronel fechado,ou full como diz a gíria no meio militar,e isto se deveu a sua promiscuídade na função,coisa com qual o senhor nunca coadnuaria ou ultilizaria,mesmo para chegar ao topo da carreira.Mais uma vez,saía desta função,ou pelo que vislumbramos seu futuro não será nada bom.Digo isto porque já tive a oportunidade de trabalhar com o senhor e ver a sua índole no trato com a coisa pública,posso atestar que se a policia fosse um lugar sério composto pelo menos por 50% de pessoas sérias o senhor já seria no minimo coronel e comandante,mais o nosso governador que era quem aparentava no inicio de sua administração ser o propiciador de tal realidade hoje além de se render ao sistema colocou o mesmo no bolso,está ai para morrer e mesmo assim não pára para refletir,por mais essa coronel é que te digo CAIA FORA,as ações que o senhor está desenvolvendo em prol de toda a policia não estão sendo reconhecidas pela tropa,que em sua grande maioria é desconfiada em demasiado(culpa do que já sofreram) a ponto de não reconhecer a mudança dos ventos que propicia a quebra dos seu grilhões,os inimigos pipocam a cada dia,maiores e mais fortes,o comandante tem outros propósitos que não o bem estar geral,quem não merecia já foi,e um momento a corda arrebenta e o senhor já sabe pra quem não é?
      "Não existe só um caminho"
      Tenente Coronel Campos,CAIA FORA!!

      Excluir
  2. Queremos dizer ao povo que os policiais militares que trabalham no TCE e uma vergonha, estão querendo subistituir o conselheiro, primeiro tem que tirar os militares daquela fazenda, valos lá : TC Fontes; CAP Amado e todos os SGT, os CB, os SD. todos. O Senhor está dando apoio, não quer fazer nada só promessas.

    ResponderExcluir
  3. O cara do capitão Amado desde a sua formação a soldado que trabalha co o conselheiro Carlos Alberto Sobral de Souza, que vergonha, e o ten coronel Fontes ele e a mulher a ten coronel Cristina, ambos nunca comandaram nada, outra vergonha, todos são João Alves.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha, vocês deveriam eram começar a enxergar de uma vez por todas o que acontece dentro da policia militar. Vocês são massa de manobra. Já colocaram um na Camara dos deputados, agora vão colocar outro na camara de vereadores. Só que não conseguem enxergar um palmo de ante os olhos. Praça é Praça. Não é nada. Apenas massa de manobra. Quem manda mesmo são os oficiais e pronto.

      Excluir
    2. Vc deve ganhar um bom CC para falar em pouca palavras uma tonelada de besteira.

      Excluir
  4. Sei lá tudo está errado um coronel e um capitão no tribunal faz de conta sinseramente, e lamentavel, já a sua senhora a coronel na Assenbleia outra grande vergonha. O morreninho do Amado não sabe e que quer dizer uma escala de serviço. Que tristeza para a nossa instituição policial.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso se chama O SISTEMA. Vc faz parte dele, Só que do outro lado, o lado do escravo. O lado do Otário. Que só serve pra ser escada para o outro.Se ligue praça. As coisas estão pior. Tudo está pior. Escalas de serviço, Promoções, Alimentação....etc.....Kd ele ? O nosso representante na assembléia. KKKKKKK ele está ficando cada vez mais rico....KKKKe nós......otários....kkkkkk

      Excluir
  5. Tudo isso realmente chama o sistema, ele o senhor coronel Iunes só precisou assumir que tudo piorou, e o sistema, ele já era rico e com e rico, vai dominar a nossa polícia vejam quando ele sair os desvios, que coisa. E ainda coloca a sua mulher para sair vereadora em Rosário do Catête. E o que e pior com policiais militares ao seu redor.

    ResponderExcluir
  6. Estamos sendo atropelados, o comando diz que esta tudo certo e por traz, metem a trolha, vamos reinvidicar na nossa careata do futuro vereador vieira.

    ResponderExcluir
  7. O cara do AMADO e uma vergonha ele fez uma lei só para beneficia-lo vamos reinvidicar isso tudo e o comando não faz nada e mesmo e uma vergonha que saia esse comandante de meia tigela.

    ResponderExcluir
  8. É meu rapaz esse reamente é o sistema KKKKKKKKKK, É esses caras mesmos, KKKKKKKKKK.

    ResponderExcluir
  9. AOS QUE RECLAMAM QUE AS REIVINDICAÇÕES NÃO FORAM CONCEDIDAS, O QUE DIGO É O SEGUINTE; JÁ QUE O MOMENTO É DE FOCO POLÍTICO. BOICOTEM O SERVIÇO, SIMPLES ASSIM, VAMOS FAZER GREVE BRANCA TOTAL!!!!!
    O POVO IRÁ CLAMAR AO GOVERNO QUE PEDIRÁ A CABEÇA DO COMANDO QUE COM CERTEZA NEGOCIARÁ COM A TROPA. ENQUANTO ESTIVERMOS RECLAMANDO, MAS FAZENDO O SERVIÇO MESMO QUE MEIA BOCA, A SITUAÇÃO NÃO MUDARÁ. VAMOS CRUZAR OS BRAÇOS GERAL, TODAS AS CIAS! LEMBRAM DAS ESCALAS QUE QUERIAM ADOTAR SÓ PRA LASCAR O PRAÇA? QUANDO TODOS CRUZARAM OS BRAÇOS VOLTARAM ATRÁS.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo, não faço mais nada,antes ainda fazia abordagens,depois anotava umas placas de carro e moto na rua, agora nem isso faço.

      Excluir
  10. trabalhar no Tribunal de Contas é serviço tipificado na de Segurança Pública?
    todos deveriam estar AGREGADOS sem direito a promoção?
    Gostaria que o SGT Edgar ou Capitão Mano fizessem algum comentário ou no próximo texto fosse relacionado a esses desvio de função.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É inconstitucional a legislação estadual que autoriza o trabalho de PM's fora da PM. Pq a AMESE não levanta essa bandeira.

      Excluir
  11. O Iunes com certeza vai pedir para colocar á União, e vai com promessas mirabolantes para com os conselheiros.

    ResponderExcluir
  12. Antes eu tinha uma impressão do Senhor Capitão Amado mais vocêis estam corretos, para a nossa instituição, não podemos aceitar tais situações. È ainda o comandante desse que vai resolver tudo, vai sim, com sua emoresa, a vai.

    ResponderExcluir
  13. Veja Exclusivo! Lógo após ao pleito eleitoral, acontecerá a mudança de comamdo.

    ResponderExcluir
  14. Yunes volte para o lugar que vc saiu,o inferno.

    ResponderExcluir
  15. LIGADO NO MOVIMENTO24 de setembro de 2012 13:32

    Às 22h20min do dia vinte e dois do mês de setembro do ano de dois mil e doze, na sala do
    Corregedor-Geral da PMSE, o Sr. Arthur Silva Santos, 1° Ten PM, RG 130.225-2 SSP/SE; CPF
    001.081.775-13, apresentou o Sr. Givanildo da Silva, Sd PM n° 5034 PMSE, RG nº 1.423.520
    SSP/SE; CPF n° 930.480.765-49; informando que deu voz de prisão, foi lavrada pelo Cel QCOPM
    Maurício da Cunha Iunes, Comandante-Geral da PMSE, em desfavor do militar em tela, em virtude do
    mesmo ter sido flagrado na prática do crime previsto no Art. 235 do Código Penal Militar.

    CONCLUSÃO: PARA QUEM NÃO SABE, ESSE ARTIGO SE REFERE A BOIOLAGEM (GAY, PEDERASTIA) KKKKKKKKKKKK, VEJAM O ARTIGO AQUI.

    Art. 235. Praticar, ou permitir o militar que com êle se pratique ato libidinoso, homossexual ou não, em lugar sujeito a administração militar:
    Pena - detenção, de seis meses a um ano.

    RESUMINDO O PRAÇA VIADO FOI PEGO NO FLAGRA.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "...ato homossexual ou 'Não'..."

      é só observar o que está lendo o praça poderia estar com um bofe ou uma nega ira é imputado o mesmo artigo.

      Excluir
    2. Oficial viado e analfabeto25 de setembro de 2012 09:11

      Esse comentário que afirma que o praça e viado deve ser de algum oficial de liminar ou daqueles com nota 3,2, observe que o mesmo não consegue entender o que ele mesmo leu. Vai oficial viado alem de analfabeto é gay.

      Excluir
  16. ESSA INSTITUIÇÃO É MESMO COMPOSTA DE UMA GAMA DE DEMAGOGOS DA PESTE. VEJAM SÓ, É SABIDO QUE NO MILITARISMO ISSO NÃO É PERMITIDO, ATÉ AÍ TUDO BEM, MAS E QUANTOS AOS INÚMEROS OFICIAIS PRATICANTES(INCLUSIVE DE ALTA PATENTE) QUEM NÃO LEMBRA DE UMA TAL VUVUZELAGEM?
    CEL. IUNES, HÁ COISAS BEM MAIS IMPORTANTES QUE ESTA PARA O SENHOR SE ATER, ISSO NÃO IRÁ CONTRIBUIR EM NADA PARA A INSTITUIÇÃO, MAS SE O SENHOR É TÃO ATUANTE NESSE QUESITO ENTÃO COMECE A CAÇA AS BRUXAS, OU MELHOR, AOS GAYS! A COMEÇAR PELO CAPITÃO DONALD, QUE TODOS NÓS SABEMOS DO "BASTÃO" QUE ELE GOSTA DE MANUSEAR.

    ResponderExcluir
  17. Senhores do BOMBEIRO, que trabalham em ESTANCIA e ITABAIANA, vamos boicotar esse transporte desumano.
    Olha que absurdo o transporte sai de estancia às 9:00 hs e vai com destino a itabaiana, chegando depois das 10:00 da manha. Enquanto que os militares que estao saindo de serviço sao obrigados a esperar a rendição.
    Não sejam burros em pegar esse ônibus, pensando em chegar atrasado ao serviço, sem levar em consideração que voce estará saindo de serviço no dia seguinte.
    ISTO TUDO POR QUE FOMOS INFORMADOS QUE OS BOMBEIROS NÃO PODEM MAIS VIAJAR NO ONIBUS DA POLICIA. ENQUANTO TODOS OS OFICIAIS TEM CARRO À DISPOSIÇÃO PARA USAR A BEL-PRAZER, SEJA PARA VIAJAR PARA CASA DE FAMILIARES A OUTRAS COSITAS MÁS.
    VAMOS SER INTELIGENTE, NÃO SE SUBMETAM A UMA BARBARIDADE DESTA NATUREZA. FAÇA VOCE A SUA FORÇA E NAO PREJUDIQUE QUEM ESTÁ SAINDO DE SERVIÇO.
    PENSE NISSO!!!!!!!!!!!!!!!
    COMO DIZ ALMEIDA LIMA, DIANTE DO DESESPERO: NÃO SEJAM BURROS MINHA GENTE!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ESSE FULEIRO ENVERGONHA ATÉ HOJE OS SERGIPANOS QUE VÃO FAZER ACADEMIA NA PARAÍBA, OS CONTEMPORÂNEOS DELE SABEM DE CADA UMA E TIRAM ONDA COM OS SERGIPANOS.

      Excluir
  18. Companheiros sejamos inteligêntes, vamos mais uma vez mostrar nossa força e união,vamos angariar a maior quantidade de votos possivel para quem realmente deu a cara para bater,votar em VIEIRA não é favor não é obrigação
    é retribuir tudo que este guerreiro fez e vai fazer em prol da tropa ,como diz um companheiro meu que quando abro meu contra-cheque eu vejo a foto de VIEIRA,EDGAR E DO CAPITÃO SAMUEL,e eu quero saber se o partido de VIEIRA apoia jõao,ze,antonio,chico,valadares filho, neto ou bisneto,o que eu quero saber è que hoje graças a Deus e a esses guerreiros que hoje vivo com um pouco mais de dignidade,por isso companheiros vamos pedir votos a todos, aos familiares e amigos,vamos mostrar para esta corja do governo e para o governador principalmente quem somos,não podemos de forma nenhuma mostrar fraqueza, sei que qualquer um tem o direito de se candidatar mais vamos colocar os pingos nos I,quem desses fora VIEIRA fez alguma coisa em prol de todos da instituição,o policial militar que tem memoria e se respeita e que olha as melhorias no seu contra-cheque tem a obrigação de votar em VIEIRA é o que eu penso,mais graças a Deus hoje nos vivemos em uma democracia disfarçada e todos temos o livre arbitrio de votar em quem quiser,mais que depois não fiquem chorando pelos corredores dos quarteis se lamentando.

    ResponderExcluir
  19. Não colega das 13:32h o Praça foi pego dentro da delegacia do interior transado com uma mulher biscaiteira pense!
    Dai o CMT Geral Palito apareceu do nada e flagrou o praça enterrado na meretriz! kkkkkksssss!!
    Cuidado Barnabés esse peste Magro Surta e aparece do nada no meio da escuridão!!
    O homem tem pacto com o Demônioooooo!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O fato é atípico sob o aspecto penal militar, DELEGACIA não é ambiente sujeito à administração militar.

      DELEGACIA é repartição pública civil, este flagrante teria que ser lavrado pela autoridade competente, no caso o delegado de polícia.

      Este rótulo de DPM é sem fundamento, DPM, como não poderia ser de outra forma, sequer figura como órgão da PMSE.

      Policiais militares em delegacias é desvio de finalidade.

      Há súmula do STJ disciplinando a matéria.


      Se houve este fato, o suposto crime talvez se enquadre como de natureza comum, como seja, ATO OBCENO EM LUGAR PÚBLICO, o suposto flagrante teria que ser lavrado pela autoridade competente que é o delegado de polícia em matéria de crime comum.

      Excluir
  20. Soldado Desmoralizado pelo sistema25 de setembro de 2012 02:55

    Mas o código Penal Militar é bem claro: art. 235 "... em local sujeito a administração militar". Agora digam-me! Qual é o destacamento policial militar de sergipe que´está sujeito a administração militar?
    Resposta: Mais de 90% ainda "funciona" dentro de delegacia de polícia civil, portanto, sob administração da SSP/SE. Esse flagrante de bosta é nulo de pleno direito. Empurra um HC e sai rapidinho, Givanildo Silva, vc é gente boa! Vai a dica!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. POLICIAL FRACO E DESMORALIZADO NÃO MEREÇE VESTIR FARDA25 de setembro de 2012 04:00

      Como,desmoralizado pelo sistema?

      Se você admite ser desmoralizado, é por que você é um desmoralizado mesmo.

      O homem tem que ser homem, porra..

      Sou policial ,e não tem filha da puta nenhum por mais que seja importante na sua função que desempenhe,que venha me desmoralizar..

      A não ser que você não aja em concordância...Desse geito vc é um desmoralizado sim, e mereçe ser punido.

      Você é um policial caralho,seja homem..

      Excluir
    2. Soldado Desmoralizado pelo sistema25 de setembro de 2012 04:20

      Calma guerreiro, não é bem assim! Esse "nick' que eu uso aqui no blog é uma provocação ao "SISTEMA"(governo). É uma crítica para com a gestão pública do governo e comando. Entre linhas eu chamo de desmoralizado o próprio "sistema", entendeu? Faço alusão à época do Tolerância Zero I, onde naquele momento em que o governo concedeu 495% à PC e queria nos empurrar apenas 5%, o próprio sistema se desmoralizou.
      Espero ter esclarecido eventuais dúvidas ao meu repeito.

      Excluir
  21. Publicado em: 24/09/2012 21:20:14
    CAPITÃO SAMUEL DIZ QUE MARCELO DÉDA CONTINUA COM A PESEGUIÇÃO AOS PMs E BMs

    Fica cada vez mais difícil o relacionamento do governo Déda com a policia militar e bombeiros militares, segundo declarações do deputado estadual capitão Samuel Barreto (PSL), ao tomar conhecimento que oito bombeiros estavam sendo punidos por terem doado sangue.

    Os policiais e bombeiros militares que doaram sangue durante o Pré-Caju 2012, já começaram a ser punidos por terem faltado a escala de serviço. À época aconteceu uma reunião no Ministério Publico Estadual, onde participaram representantes das associações, a promotora Euza Missano e o coronel Enilson, representando o comando geral da PM, alem do deputado capitão Samuel Barreto. Nessa reunião ficou acordado que apenas os BMs e PMs voluntários iriam trabalhar no Pré-Caju.

    Porem como alguns militares resolveram doar sangue, esses acabaram sendo dispensados do serviço, como determina a Lei Federal nº 1075, que prevê folga de um dia ao doador. Ao contrario do que determina a Lei, os doadores do corpo de bombeiros, começam a ser punidos.

    No BGO desta segunda-feira (24), foi publicado o nome de oito bombeiros militares que doaram sangue àquela época e que por esse motivo estão sendo punidos com um dia de detenção, segundo consta no BGO.

    Para o deputado Samuel Barreto, “isso é um absurdo e vem cada vez mais demonstrar que o governo do PT, que ensinou a fazer greve, agora pune com rigidez os alunos. Isso é mais que um absurdo. Quase um ano depois e agora vem as punições, o que demonstra que o governador Marcelo Déda continua perseguindo os policiais e bombeiros militares”, lamentou o deputado.

    Samuel afirma que “a cada dia fica mais difícil o relacionamento e dialogo entre os policiais e bombeiros militares com o governo. O governo Déda, esse governo do PT não aceita nenhum tipo de movimento reivindicatório, prova disso é o que está ocorrendo com nossos irmãos bombeiros que vão ser presos, sujar suas fichas por terem feito um ato de caridade e solidariedade. Será que é isso que o Partido dos Trabalhadores quer para o povo”, ironizou Samuel.

    Ao tomar conhecimento de que as viaturas do corpo de bombeiros não estavam asseguradas, mais uma vez o parlamentar voltou a chamar a atenção dos governantes. Segundo ele, “tudo isso é falta de gestão e principalmente a falta de zelo com o dinheiro publico. Quem é que tem um bem no valor desses e que não os coloca no seguro. Só mesmo o governo de Sergipe, que não tem zelo pelo patrimônio, mas tem muito zelo em punir os trabalhadores”, bradou Samuel.

    O parlamentar disse ainda que nesta terça-feira (25), voltará a cobrar dos colegas para que seja votado o projeto de sua autoria que prevê anistia para PMs e PMs, nos casos como a doação de sangue. “Esse governo devia estar preocupado em fazer concurso e não perseguir trabalhador que se negou a trabalhar em um evento privado. Nossos irmãos optaram por fazer um ato de solidariedade e como recompensa ganharam punição que irá prejudicá-los futuramente, já que vai para suas fichas, inclusive prejudicando nas promoções”, disse o deputado.

    Para o presidente da Amese, sargento Edgard Menezes, o comandante do corpo de bombeiros está “rasgando a constituição, já que no seu artigo 1075, prevê até elogios para o doador”, explicou Edgard Menezes, que também participou da reunião no Ministério Publico, onde em janeiro deste ano, foi assinado um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), onde ficou acordado que apenas os militares que fossem voluntários ou que estivessem na escala ordinária é que iriam trabalhar no Pré-Caju. “Se havia esse TAC, então não havia motivo para o PM ou BM doar sangue para não trabalhar. Já tinha ficado acordado lá que só ia trabalhar os voluntários e os da escala ordinária, porem nossos irmãos militares, num ato de solidariedade, resolveram abastecer o Hemose, já que essa época há muita falta de sangue. Então eles resolveram fazer a doação e agora olha o que está acontecendo”, lamentou o presidente da AMESE.
    fonte: faxaju (Munir Darrage)

    ResponderExcluir
  22. Do mesmo modo quem não lenbra na cidade de Própria-SE, foi flagrado em um alojamento o Cel Pedroso, e logo depois chegou coencidentimente e Cel Iunes ambos estavam no quartel, e trabalhavam no mesmo batalhão, com práticas de atos libidinosos.

    ResponderExcluir
  23. Yunes, volte para o seu lugar que você veio, o inferno. Temperamental.

    ResponderExcluir
  24. No Brasil, o crime militar de pederastia, previsto no artigo 235 do Código Penal Militar (Decreto-Lei nº 1001/69),[1] foi criado durante o regime militar de 1964 para penalizar atos homossexuais praticados dentro das Forças Armadas ou auiliares.
    Neste caso, a expressão “pederastia” foi utilizada em sua acepção moderna para designar qualquer relação homossexual, sem fazer referência à idade, ao contrário do sentido clássico de pederastia, usado para designar a relação homossexual masculina entre um adulto e um adolescente.
    Vale ressaltar que a pederastia é um crime propriamente militar, isto é, somente pode ser praticado por um militar. E é por isso que o delito só está previsto no Código Penal Militar, sendo tutelados principalmente a disciplina e a hierarquia que não se coadunam com a promiscuidade sexual.
    A justifica é a seguinte: enquanto a sociedade civil tem como base a liberdade, as instituições militares se fundam na hierarquia e na disciplina, princípios estes que são os pilares das Forças Armadas e encontram-se previstos no texto constitucional. Reconhece-se que os bens tutelados, portanto, são outros. Assim, evidentemente, sem se afastar de todos os outros princípios expressos na Carta Maior, os atos que afetarem a disciplina e a hierarquia das Forças Armadas devem ser punidos.
    Note-se que o próprio Supremo Tribunal Federal, ao ser provocado para decidir se a pederastia está afeta ao direito à intimidade do militar, asseverou que o tipo penal do art. 235 não ofende a inviolabilidade do direito de intimidade, previsto no art. 5º, X, da Constituição da República, uma vez que esta garantia não tem caráter absoluto (HC 79.285-RJ, rel. Ministro Moreira Alves/31.08.1999).
    Bem mais recente, em data de 23.09.2003, a 1ª Turma do Excelso Pretório negou pedido de Habeas Corpus a militar condenado a 8 meses de prisão pela prática de atos libidinosos com seu superior, tendo o relator, Ministro Carlos Ayres Brito, esclarecido em seu voto que o art. 235 visa coibir a prática de qualquer ato libidinoso e, com isso, resguardar a disciplina castrense. Não se trata de incriminar determinada opção sexual, até porque, se tal ocorresse haveria inconstitucionalidade por discriminação (HC 82.760).
    A verdade é que o artigo 235 está em vigor, e a pederastia dentro dos quartéis continua sendo punida.

    ResponderExcluir
  25. A discriminação legal no crime de pederastia em relação à homossexualidade nas Forças Armadas é considerada discriminatória ou homofóbica pela comunidade LGBT brasileira, pelo Ministério Público Federal e por comissão especial do Conselho de Defesa dos Direitos da Pessoa Humana (CDDPH), vinculado ao Ministério da Justiça, que defende o fim do crime de pederastia nas Forças Armadas. A Associação Nacional de Gays, Lésbicas, Bissexuais, Travestis e Transsexuais (GLBTT) prepara uma ação civil que pede a revogação do artigo 235 do Código Penal Militar e o fim do crime militar de pederastia.Em agosto de 2005, a Comissão de Constituição e Justiça e Cidadania da Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei 2773/00, do deputado Alceste Almeida (PMDB-RR), que exclui a referência à pederastia no Código Penal Militar, em função de uma possível inconstitucionalidade do artigo, que discriminaria os homossexuais. O projeto mantém como crime militar quaisquer práticas sexuais no ambiente militar, sem qualquer referência à homossexualidade.O projeto está sendo analisado em conjunto com outro, o Projeto de Lei 6871/06, da deputada Laura Carneiro (PFL-RJ), que também exclui a referência à pederastia e à discriminação homossexual no texto da lei, porém permite o ato sexual no ambiente militar, “desde que o ato seja consensual e praticado entre cônjuges ou unidos estavelmente” e em residência sujeita à administração militar.

    Levantamento feito pelo jornal Folha de São Paulo, publicado em reportagem no último sábado, 14/06, mostra que ao menos 21 homens militares foram processados por fazerem sexo homossexual em dependências das Forças Armadas nos últimos dez anos. Os dados são de casos que chegaram ao Superior Tribunal Militar e, por este motivo, o número de casos pode ser maior, uma vez que não foram considerados asos que passaram apenas por instâncias inferiores da Justiça Militar.

    O crime de "pederastia" ou "outro ato de libidinagem" em dependências militares consta do artigo 235 do Código Penal Militar, de 1969. Ele caracteriza o crime como "praticar, ou permitir o militar que com ele [militar] se pratique ato libidinoso, homossexual ou não, em lugar sujeito a administração militar". A pena para a infração é de seis meses a um ano de detenção.

    Segundo o jornal, a maior parte dos processos cita apenas a "pederastia" do artigo da lei, sem falar em "ato de libidinagem". Em alguns dos casos há descrições detalhadas de atos sexuais praticados em alojamentos, piscinas de dependências militares e quartéis.

    "No areal, o capitão segurou no meu braço, começou a me alisar na altura do ombro, ao mesmo tempo que dizia que estava a fim de mim", diz um relato.

    A matéria traz ainda um depoimento de Cláudia Márcia Ramalho Moreira Luz, procuradora-geral da Justiça Militar indicada pelo Exército para falar sobre o tema, que classifica o termo pederastia "além de pejorativo, inadequado".

    Segundo a reportagem, dois projetos de mudança do artigo 235 tramitam na Câmara desde 2000.

    ResponderExcluir
  26. RAPAZ NÃO ENTENDO, SE O CORPO DE BOMBEIROS AGIU NA ESFERA ADMINISTRATIVA DE SUA CASERNA, E PORQUE NA PM O CASO TA NO MINISTÉRIO PÚBLICO? FALADO DA POLEMICA DOAÇÃO DE SANGUE.

    E ALGUÉM PODE FALAR COMO ANDA ESSES PROCEDIMENTOS?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também desejo saber, em vez em quando eu flagro minha esposa chorando porque ouve esses comentários nas rádios falando que vai da exclusão, tento acamar mais não adianta percebo a preocupação dela, fico muito triste com a atitude desse promotor querendo excluir pais de famílias por conta de um governador.

      QUERIA SABER SE ISSO PROCEDE? (EXCLUSÃO)

      Excluir
    2. Fique em paz ! Isso foi uma verdadeira merda feita pelos Promotores de Justiça Jarbas Adelino e João Rodrigues Neto numa subserviência cega e pouco avaliada ao governador Marcelo Déda.
      Eles estão ferindo dignidade humana de quem salvou até quatro vidas por doação e de quem precisou de ajuda. Teve gente até que, infelizmente, morreu tão grave era sua situação.Eles, os dois promotores de justiça, São violadores de dignidade humana e a repercussão está péssima para eles e corre o risco, após as eleições, de ganhar notoriedade nacional ou mais.
      Denúncias artificiais, infundadas e sem querer se dar ao trabalho do ônus da prova (cadê a lista de voluntários com as respectivas assinaturas ?).
      Eu,particularmente, acho difícil a juíza aceitar essa denúncia e manchar sua carreira,mas aqui tudo é quase possível.

      Bem, suponha que ela aceite, então vai ser uma coisa estranha estar entre as testemunhas de defesa a Promotora Euza Misano e os próprios Coronéis Resende e Enílson,os quais (os coronéis) terão que mostrar a lista de voluntários assinada, bem como a ato publicado estabelecendo prazo e procedimentos para se dizer não voluntário.
      Os dois promotores,por mais proteção que tenham, estão preocupados e muito com suas imagens pessoais e até com o pouco de senso humanitário que lhes restam, acreditem.
      Claro, também faltaram as aulas de direito administrativo.

      Aquela entrevista de Jarbas Adelino à TV Sergipe foi determinada às pressas pelo Procurador-Geral de Justiça,Orlando Rochadel, para socorrer João Rodrigues Neto que estava suando no ar-condicionado e gaguejando de nervoso, bem como não envolver diretamente a cúpula do MPE nessa situação,ou seja, quem fez sua merda que justifique.
      Abraços.

      Excluir
    3. Valeu amigo e obrigado por essas palavras, sou leigo em direito e sou novo na policia, só tenho a dizer que nunca imaginei que doando sangue seja em época de festa ou não repercutisse tanto assim. Minha família anda tensa e muito preocupada com migo, afinal tenho uma esposa filha e minhas despesas pessoais para cuidar, falaram até em não mais doar sangue, veja que absurdo eu estou ouvindo dos meus familiares, não mais doar sangue nem em época de festa e nem dia nenhum, para que não seja interpretado pelos meus comandantes de forma diferente de mal policial por exemplo. Fica aki minha lamentável indignação e profunda tristeza com que está acontecendo.

      Excluir
    4. Claro, que existe um risco, pois existe um processo que ainda está na fase de inquérito policial, mas nem pense em condenação e exclusão. Ainda vai rolar muita água e vergonha para eles.
      Não há uma clara evidência sequer a não ser a maldade escancarada para se garantir quorum para o próximo pré-lixo.
      Acredite que amor divino está no controle dessa situação e por meio dos meios legais tudo isso vai cair .
      Abraços.
      Abraços

      Excluir
  27. O coronê Yunes diz que vai resolver e nada, ele e amigo pessoal de João Rodrigues, essas conversas de "H", e nada e a mesma coisa. Ele quer tirar o nosso couro.

    ResponderExcluir
  28. ALGUEM PODE INFORMAR SE ESSES PROCESSOS JÁ ESTÃO COM A JUÍZA ANALIZANDO SE ACEITA OU NÃO A DENUNCIA OU AINDA ENCONTRA-SE COM O PROMOTOR EM FAZE DE ANALIZE?

    E SE ALGUEM SABE DE ALGUMA NOVIDADE DESSE CASO? DOAÇÃO DE SANGUE.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa merda vai se arrastar até um pouco depois do pré-caju 2013, afinal o patrão quer garantias que não haverá evasão de novo por meios legais.
      Não perca seu sono por causa disso. Deixa que aquela dupla de promotores estão aperreados.
      Recentemente estava numa livraria de um dos shoppings da capital e lá por infeliz coincidência chegou aquele promotor das 'claras evidências'.enquanto ele folheava um livro Duas atendentes comentaram baixinho rapidamente : '... é essa coisa ridícula que processa xxxx por doar sangue...Já pensou?'.
      A fama dele tá indo longe !

      Excluir
    2. Tá mais com processo, sem processo, eu já doei estes dias, vou continuar doando, e no dia do pré-bahia vou doar novamente. Pode perseguir pitar o cidadão de marginal, submeter a processo, não tem jeito, ninguém vai proibir-me de fazer um gesto de amor.

      Minha resposta está chegando! Todos os dias procuro uma amigo para pedir voto para Vieira, quero matar o sistema de raiva. Duas coisas eu quero ver, uma não terei alegria, pois sei que ele não será a solução para nada, mas para destilar um pouco da minha revolta, vou, de forma constrangida, mas vou votar no 25, e a outra resposta é ver Vieira vereador de Aracaju, é que seja bem votado.

      Não a ingratidão, a perseguição.

      Daqui a 3 meses vou doar novamente. Pode fazerem o que quiser! Não sou marginal, sou cidadão de bem.

      E depois das eleições, peço que sejam espalhados Outdoor pela cidade divulgando a atuante atividade dos dois nobre promotores responsáveis por este "grande feito a sociedade".

      Excluir
  29. PM QUESTIONA ESCALA DE SERVIÇO NA ELEIÇÃO

    Mais um policial militar, envia e-mail à redação do FAXAJU on-line, para fazer comentários sobre a convocação de bombeiros militares, que irão auxiliar a policia militar durante o pleito eleitoral que ocorre no próximo dia 7 de outubro. Segundo o militar que pediu para não ter seu nome e identificação revelados com medo de represálias, “Ocorrerá nas eleições de 2012 o maior êxodo de militares estaduais da história de Sergipe”.

    Veja o que diz o e-mail do policial:

    “Ocorrerá nas eleições de 2012 o maior êxodo de militares estaduais da história de Sergipe. Com o intuito ou não, mas já interferindo nas eleições municipais da capital, Aracaju, o governo já escalou milhares de militares da capital para trabalhar nas eleições em vários municípios sergipanos. Ora, senhores, se é realmente para garantir somente a segurança das eleições em todo o Estado de Sergipe, por que obrigar centenas de Bombeiros Militares de Aracaju a se apresentarem no dia 06 de Outubro às 16:00h, em várias seções de votação no interior, para realizar trabalho de polícia? Trabalho que esses bombeiros exercerão desarmados, já que não existe armamento suficiente nem mesmo para fazer a segurança dos Quartéis do Corpo de Bombeiros (com exceção do QCG/BM onde existem 2 pistolas, a segurança é feita com 1 pistola apenas, justamente por falta de material). Ou seja, os bombeiros estarão sem pistolas, sem coletes, sem treinamento, e sem previsão legal para trabalhar exercendo papel de polícia. Então, já que a atuação dos bombeiros nas eleições de 2012 não representa segurança nem mesmo para os próprios bombeiros, por que exigir a presença desses trabalhadores no interior, fora das suas zonas eleitorais? É bastante grave que esses cidadãos só sejam liberados do serviço após o encerramento das eleições do dia 07 de outubro (carga horária superior a 24h ininterruptas) não lhes sendo garantido o direito de exercer o voto, sob pena de prisão por abandono de serviço. Se o intuito do êxodo forçado é somente garantir a segurança do pleito eleitoral, por que não utilizar nas sessões eleitorais policiais civis, ou mesmo, como é rotineiro, as forças armadas? Ou na pior das hipóteses, caso seja imprescindível a absurda presença dos bombeiros, por que não efetuar um rodízio entre os militares afim de garantir, dessa forma, o direito e o dever de voto para todos? Fica a pergunta. Também, tão intrigante quanto a escalação dos Bombeiros exercendo papel de polícia nas eleições de 2012, é o emprego de policiais militares da capital em seções do interior, bastante distantes de Aracaju (apresentação às 16h do dia 06/10 e retorno após o término das eleições do dia 07/10), quando nem mesmo os PMs que já trabalham nesses municípios, e que rotineiramente trabalham em todas eleições, foram escalados para trabalhar nas eleições de 2012. Como explicar, por exemplo, que no município de ARAUÁ dos 18 policiais escalados para as eleições, nenhum pertence à companhia que controla Arauá? Dos 18 policiais, 16 são de unidades de Aracaju e 2 são lotados na 3ª cia do 6º BPM ( Itabaianinha). Por que dessa preferência, esse querer delirante, por policiais e bombeiros da capital? Num país em que a legislação eleitoral garante o direito do voto para os brasileiros que estão no exterior , para os presos provisórios que estão aguardando julgamento nos presídios, que regula até mesmo as prisões nos dias próximos às eleições para que não haja influência na votação, ver o direito de voto de toda uma categoria de trabalhadores ser ameaçado, seja por dolo ou por negligência, é algo aterrorizante. Uma verdadeira ameaça à legitimidade e veracidade do resultado das eleições em nosso Estado e um atentado à democracia do nosso país.”

    http://www.faxaju.com.br/viz_conteudo.asp?id=149369

    ResponderExcluir
  30. Bonbeiros Militares servem para salvar vidas e não combater e resguardar urnas eleitorais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. DEIXEM DE SER FROUXOS CABRAS, ISSO É QUE DÁ FICAR SEGURANDO MANGUEIRA, VCS SÃO É UNS FILHOS DE UMA KEEEEENGAAAAA!!!! COMO DIZ DONA DOROTÉIA SÃO TUDO UNS CAGÃÃÃÃÃÃOOOOOOO!

      Excluir
    2. Chora, NANA! kkkkkkkkkkkk

      Excluir
  31. É ai coronel Nailson vai adoecer vai ter dor de barriga, desenterias, e depois vai viajar á Brasilia com sua amada Diele.

    ResponderExcluir
  32. Ká Ká Ká Nailsinho medrozinho, cagãozinho, esta com medo de sair do comando, á coisa vai pegar!

    ResponderExcluir
  33. Yunes voute para o seu lugar, de onde vc veio, o inferno.

    ResponderExcluir
  34. Eu não entendo e nem sei o tipo penal que foi aplicado no flagrante de um policial militar supostamente encontrado com uma mulher numa delegacia.

    Não estou defendendo o flagrado,tampouco sua atitude.
    Mas, desviam policiais militares para fazer as vezes de policiais civis em delegacias do interior, por consequência é inevitável a perda de referência do comportamento regulamentar miliciano e se incorpora outros valores.
    Aí eu pergunto: Se ali estivesse um policial civil na sua função, isso teria acontecido com o militar?

    Claro que não, pois o policial militar estaria fazendo o policiamento ostensivo e é muito,muito complicado colocar uma amante dentro de uma viatura.

    Delegacia também não é local sob a administração militar. Qual foi o crime militar mesmo?

    A culpa disso é do PM que vacilou (foi induzido a vacilar), do estado que recorreu daquela decisão judicial de primeiro grau que determinou a saída de PMs das delegacias, do poder judiciário que cassou uma decisão legítima de um de seus magistrados, de todos os comandantes da PMSE que são fracos e baixam a cabeça para essa situação sem sequer tentar acabar com essa vergonha e principalmente desse Coronel Mago que tem responsabilidade solidária,pois também é outro omisso com o desvio de função de PMs em delegacias de polícia civil.

    ResponderExcluir
  35. ESSE MAGO NÃO TEM PALAVRA, DESDE QUE CHEGOU DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO, CHEGOU SÓ COM SUA ESPOSA, HOJE FALECIDA SEM NADA NO BOLSO, E HOJE E MILIONÁRIO.

    ResponderExcluir
  36. 15 BOMBEIROS MILITARES PRESOS EM SERGIPE.

    O advogado Márlio Damasceno informou na manhã desta terça-feira, 25, na Rede Ilha de Rádios, que a qualquer momento oito bombeiros militares de Sergipe podem ser presos.


    Segundo o advogado, as prisões podem ocorrer como resultado de um processo administrativo aberto por não terem trabalhado durante o Pré-Caju.


    No período, os bombeiros militares não foram ao trabalho porque doaram sangue.

    Márlio lembra que os policiais estão amparados na legislação e em um Termo de Ajustamento de Conduta, assinado pela promotora de Justiça Euza Missano, garantindo o trabalho, no Pré-Caju, de quem o fizesse voluntariamente.

    COMANDANTE CONFIRMA PRISÕES

    Também na Rede Ilha, o comandante do Corpo de Bombeiros, coronel Inailson Santos, disse que as prisões já foram feitas, “em torno de quinze”.

    “São prisões administrativas. Nenhum deles vai ficar preso no quartel. Mas a punição vai para a ficha deles”, disse o comandante.

    Fonte: Nenoticias

    http://ameseluta.blogspot.com.br/2012/09/15-bombeiros-militares-presos-em-sergipe_25.html

    ResponderExcluir
  37. O fato é atípico sob o aspecto penal militar, DELEGACIA não é ambiente sujeito à administração militar.

    DELEGACIA é repartição pública civil, este flagrante teria que ser lavrado pela autoridade competente, no caso o delegado de polícia.

    Este rótulo de DPM é sem fundamento, DPM, como não poderia ser de outra forma, sequer figura como órgão da PMSE.

    Policiais militares em delegacias é desvio de finalidade.

    Há súmula do STJ disciplinando a matéria.


    Se houve este fato, o suposto crime talvez se enquadre como de natureza comum, como seja, ATO OBCENO EM LUGAR PÚBLICO, o suposto flagrante teria que ser lavrado pela autoridade competente que é o delegado de polícia em matéria de crime comum.

    ResponderExcluir
  38. Meus amigos, mais uma vez está chegando o dia em que o pobre, o rico, o negro e o branco têm o mesmo valor, já para nós militares é o dia no qual podemos ratificar o nosso valor, pois, que fazemos a diferença mostramos em 2010.Vamos fazer de Vieira com o número 22 330,o vereador mais votado da história desse município,se vc votar em outro militar é legítimo, porém perdemos a chance de enaltecer ainda mais a vitória de um militar, pois dentre os candidatos da PM Vieira é o que tem a maior chance de eleição e não estou dizendo isso por dizer, são dados de pesquisas internas de vários candidatos que possuem recurso e fazem a mesma para tomarem um norte para suas campanhas, Vieira sempre aparece entre os cinco mais votados, vamos pensar coletivamente cada vez que conquistamos uma cadeira no parlamento conquistamos também mais respeito dos poderosos e mais condições de falar sem sermos afetados pelo código canônico da PM, isso é conquista, o tempo passa e estamos cada vez mais nos politizando, não podemos perder esse norte, sei que todos temos direito de ser candidato, mas por favor analise o comprometimento de cada um com a nossa categoria.No mais quero pedir mais uma vez união, vamos ser multiplicadores dos nossos anseios, das nossas idéias e do nosso comprometimento com a nossas causas, abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. sgt edgar gostaria de ver o modelo do requerimento de voluntariedade das escalas extras para o pre-caju já quero fazer o meu. NAO SOU VOLUNTARIO, OK! VAMOS TODOS FAZER ISSO LOGO.

      Excluir
  39. A diferença entre nobreza e status.25 de setembro de 2012 11:30

    Nobreza como qualidade é algo inerente à pessoa que exerce qualquer profissão. É equivocado dizer a nobre função de x ou y. Ser nobre independe de status social ou profissional. Um limpador de fossa,um gari, um lavador de pratos que exerça com dedicação e honestidade suas tarefas são nobres por todo direito. Diferente de daqueles dois promotores de justiça da sexta vara criminal que possuem o status da profissão, mas são indignos ao se comparar com um nobre limpador de fossa.

    ResponderExcluir
  40. BOMBEIROS PUNIDOS

    e o caso dos bms punidos pela doação de sangue no prebahia? doei, vou ficar punido e se precisar eu doou de novo!!! aqui vai um abraço pra os desmoralizados das turmas de 94, 96 98 e 2002 que foram trabalhar na festa e enfraqueceram o movimento. já pensou se vcs também faltassem e agora houvesse 100 bms sendo punidos? aí os direitos maland... ops, humanos se pronunciariam e a oab também, né não??? mas continuem assim, ruma de medrosos, furando o movimento por medo de punição disciplinar e correndo atrás de 100 reais a serem pagos um dia...

    agora vão colocar vcs pra trabalharem desarmados nas eleições. vão, bestas!!! sugestão? peçasm por escrito colete e .40 pra sua segurança, caso contrário ATESTADO!!!! a ordem é arrombar com dedinóquio e qualquer um que ousar fazer os militares estaduais de bestas!!

    ResponderExcluir
  41. no site do deplorável g. carvalho tá tendo um debate bom agora nos comments. sobre a prisão dos bms. vamos lá dizer umas verdades pra que a sociedade e os leitores dele passem a conhecer a verdade dos fatos!

    ResponderExcluir
  42. zero a esquerda says

    os oficiais que apuraram os procedimentos, em sua maioria, concluíram que não houve falta disciplinar dos militares, aí o desmoralizado do ionaldo (q o mais positivo q já fez até hoje no bm foi jogar bola toda terça e quinta na quadra do amadeus) discordou deles e p agradar quem lhe paga um gordo cc resolveu punir os caras ARBITRARIAMENTE! coisa linda p vc, ionaldo, seu zero à esquerda!!! ô dinheiro mal empregado pelo estado com esses coroneis nada-fazem!!! é melhor botar escala de 1x1 logo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. enquanto isso, pra marginal, infrator, criminoso, os DIREITOS HUMANOS correm logo atrás p defendê-los. cadê a oab e os direitos humanos agora? e a humilhação pra estes pais de família?

      Excluir
    2. Chama:Gente é com muita tristeza que vejo o cel IONALDO se tornar um capacho desse filho da puta Nailson sim cel vc se tornou um simples capacho pisado e apagado diante a sua tropa,eu te conheço desde quando chegou como aspirante e trabalhei com vc em varia s ocorrência e te vi muitas vezes peitar o velho cmt valdir mais hoje eu te vejo com pena do of que vc já foi um dia diante de sua guarnição com certeza o seu velho e nobre pai que foi of dessa corporação deve se torcer em seu tumulo vendo o cabra covarde que se tornou o seu filho diante do sistema que escraviza todos aqueles que possuem um cargo de comissão coronel Ionaldo não jogue o seu nome e seu carater no lixo

      Excluir
  43. agora o comandante tá passando por cima das leis. se o cara doou, ele tem direito a folga. vou lhes contar uma história verídica: esse nailson é tão gente boa que a mulher dele se acidentou gravemente e precisou de sangue e NENHUM BOMBEIRO na época quis doar sangue pra ela. será que o cara é benquisto. é verdade, se vcs conhecerem algum bombeiro podem perguntar. foi real isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. vão ficar presos, sim! um dia no quartel. agora, o cara não foi voluntário pra nada e tem q ir na tora? pra receber 100 reais um ano depois ou não? vá vc q tá apoiando essa safadeza desse comandante querendo fazer média com o dedanóquio!

      Excluir
  44. Sgt Vieira e Sgt Edgar na carreata no domingo qual sua maioria sera composta por policiais militares deveremos comparecer desarmados? pq é um ato de eleiçao? Veja bem tenho um irmao candidato a prefeito e meu carro está plotado com a propaganda do mesmo tenho santinhos dentro do carro mas ele é do interior e circulo na capital, por esse motivo tenho que andar desarmado?Veja bem nao é pq ele é candidato é o minimo de apoio que dou a ele com a circulaçao de meu carro,e com isso estarei constrangendo eleitores? quer dizer que se eu passar com meu carro em uma passeata ou uma carreata de um vereador que nao conheça e cismem que estou na campanha serei presopor estar armado? e meu direto de ir e vir por ser militar ele nao é respeitado?

    ResponderExcluir
  45. EXTRA! EXTRA!

    DEPOIS DE UTILIZAR BOMBEIROS EM COMPRA DE VOTO, ATRAVÉS DE ENTREGAS DE CESTAS BÁSICAS, NO INTERIOR SERGIPANO;

    DEPOIS DE UTILIZAR BOMBEIROS NA SEGURANÇA DAS ELEIÇÕES 2012;

    POR DETERMINAÇÃO DE DÉDANOQUIO, O CMT. PRINCESA, JUNTAMENTO COM O SEU AUXILIAR CEL D.O. WAGINA, VÃO ESCALAR OS BMS PARA SEGURAR A CORDA DO BLOCO CARNAVALESCO “COM ÓDIO” DE PROPRIEDADE DE FABIXANDO OLIVEIRA.

    “TRATA-SE DE UMA FUNÇÃO FUNDAMENTAL PARA A TODA A SOCIEDADE OFICIALIANA SUPERIOR. É NESSE MOMENTO QUE MUITOS CONSEGUEM BATALHAR SEU PÃO DE CADA DIA, ALÉM DE SER UM DIVERTIMENTO LEGITIMO PARA TODOS NÓS”, DISSE O CMT PRINCESA.

    O PRÉ-CASTANHA 2013 PROMETE! PISADINHOS NA AVENIDA NOVAMENTE!

    ResponderExcluir
  46. Devemos irmão militares nesse momento difícil para nós militares sergipanos nos manter firmes e unidos,2013 vem ai se esses coroné,pensam ou acham que vai nos tirar o direito de opinarmos estão enganados,vamos começar desde já uma campanha contra o pré-bahia 2013,vou não quero posso não minha dignidade deixa não,sejamos firmes,um dia esses coroné passam e como resposta a eles vamos da o esquecimento,ninguém nem lembra-se mais do galinha assim será com semento do maú e a princesa.KKKKKKKKKKKKKKKKKK

    ResponderExcluir
  47. Olhem lá no Nenoticias que o senhor de todas essas maldades adoeceu de novo. Não me alegra o mal dele, mas vejam que a energia negativa que ele despeja contra inocentes tá agravando mais uma vez seu estado de saúde. É uma cobrança natural de uma lei criada para todos pelo Amor Divino.
    Os próximos da lista serão aqueles dois promotores que se meteram num campo negativo e de cobrança imediata. A vida cobra naturalmente dos pequenos e dos grandes devedores, bem como o processo está acelerado,pois esse é um ano de transição de consciência.
    Continuem doando sangue e salvando vidas. Continuem obedecendo as leis.
    Jesus está com todos nós.
    Mas, eles (Déda, Jarbas e João Rodrigues...) escolheram servir a um outro senhor !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ponham de uma vez por todas em suas mentes. Só existe um Senhor, só um, chama-se Deus.

      Podem manipular, comprar, perseguir, matar, tudo, tudo passa, só não passa as palavras do verdadeiro Deus.

      Quem estiver no caminho que se arrependa enquanto é tempo.

      A grande fraqueza dos poderosos destes mundo é pensar que tudo termina aqui neste mundo, e é por isso que eles atropelam tudo, a lei, a dignidade das pessoas, o sentimento de dor alheia, tudo, tudo pelo dinheiro, pelo poder, pela ilusão de manipular e ter muitos fracos de espírito curvar-se aos seus pés em troca de empregos, cargos, favores, glamur.

      Deus existe!

      Quando surgiu esta notícia de processos criados para prejudicar trabalhadores, temi, mas pensei, se eu perdesse como resultado da canalhisse o meu ganha pão, não seria o fim, pois existe um Deus que nos dá tudo.

      Nem façam planos, pois não cai uma folha de uma árvore sem a permissão Dele. Os cabelos de nossas cabeças estão contados.

      Tudo passa, mas só Deus, o alfa e o ômega, o princípio e o fim de todas as coisas permanecerá.


      Senhor ......, pare de maltratar as pessoas, aliviei seu coração e sinta a brisa de Cristo na tua face, terás um alívio na alma, alívio que revigora o próprio corpo.

      Mesmo sofrendo perseguições, farei minhas orações.

      Excluir
  48. Eu não entendo esse tipo de promoção por bravura na briosa,o praça prende,troca tiros com meliantes o comandante diz que o cara não tem direito,mais com com outros procedimentos que já foram julgados pelo incarregado que não faz jus a promoção por brabeza o comandante manda reabrir porque sugiram novos fatos para ser mais específicos o caso do GTA,OU PARA TODOS OU NÃO É.

    ResponderExcluir
  49. Parabéns aos colegas que lutaram a favor da dignidade25 de setembro de 2012 14:37

    1 - NOTAS DE PUNIÇÕES – Punições disciplinares impostas pelo Subcomandante Geral do CBMSE aos
    seguintes militares:

    1.1) Ao 1º Sgt BM Evandro Brito Freitas, por ter no dia 21 de janeiro de 2012 faltado ao serviço de escala
    extra do Pré-Caju e contrariado a Portaria nº 297/2010 – Aj. Geral em seu Art. 1º, incorrendo nos itens 09 e 25 do
    Anexo I do RDE, com as atenuantes dos incisos I e II, do art. 19 tudo do RDE. Transgressão grave, fica PRESO por
    24h no QCG, passa para o comportamento ÓTIMO.

    OBS.: Punição imposta em solução a Homologação do PAAD instaurado pela Portaria nº 008/2012/2º GBM,
    publicado no BGO nº 107 de 19/09/2012.

    1.2) À Sd. BM nº 526 Stella Costa Pina Oliveira, por ter no dia 20 de janeiro de 2012 faltado ao serviço de
    escala extra do Pré-Caju e contrariado a Portaria nº 297/2010 – Aj. Geral em seu Art. 1º, incorrendo nos itens 09 e 25
    do Anexo I do RDE, com as atenuantes dos incisos I e II, do art. 19 tudo do RDE. Transgressão grave, fica PRESA por
    24h no QCG, permanece no comportamento BOM.
    OBS.: Punição imposta em solução a Homologação do PAAD instaurado pela Portaria nº 007/2012/2º GBM,
    publicado no BGO nº 107 de 19/09/2012.

    1.3) Ao 1º Sgt. BM nº 048 Antônio Torres da Rocha Filho, por ter no dia 19 de janeiro de 2012 faltado ao
    serviço de escala extra do Pré-Caju e contrariado a Portaria nº 297/2010 – Aj. Geral em seu Art. 1º, incorrendo nos
    itens 09 e 25 do Anexo I do RDE, com as atenuantes dos incisos I e II, do art. 19 tudo do RDE. Transgressão grave,
    fica PRESO por 24h no QCG, passa para o comportamento BOM.
    OBS.: Punição imposta em solução a Homologação do PAAD instaurado pela Portaria nº 008/2012/4º GBM,
    publicado no BGO nº 107 de 19/09/2012.

    1.4) Ao Sd. BM nº 581 Marcel da Mota Serafim, por ter no dia 19 de janeiro de 2012 faltado ao serviço de
    escala extra do Pré-Caju e contrariado a Portaria nº 297/2010 – Aj. Geral em seu Art. 1º, incorrendo nos itens 09 e 25
    do Anexo I do RDE, com as atenuantes dos incisos I e II, do art. 19 tudo do RDE. Transgressão grave, fica PRESO por
    24h no QCG, passa para o comportamento BOM.
    OBS.: Punição imposta em solução a Homologação do PAAD instaurado pela Portaria nº 009/2012/4º GBM,
    publicado no BGO nº 107 de 19/09/2012.

    1.5) Ao Cb. BM nº 442 Marcos Alexandro A. Silva Costa, por ter no dia 21 de janeiro de 2012 faltado ao
    serviço de escala extra do Pré-Caju e contrariado a Portaria nº 297/2010 – Aj. Geral em seu Art. 1º, incorrendo nos
    itens 09 e 25 do Anexo I do RDE, com as atenuantes dos incisos I e II, do art. 19 tudo do RDE. Transgressão grave,
    fica PRESO por 24h no QCG, passa para o comportamento BOM.

    1.6) Ao Sd. BM nº 450 Sidney Barbosa dos Santos, por ter no dia 20 de janeiro de 2012 faltado ao serviço de
    escala extra do Pré-Caju e contrariado a Portaria nº 297/2010 – Aj. Geral em seu Art. 1º, incorrendo nos itens 09 e 25
    do Anexo I do RDE, com as atenuantes dos incisos I e II, do art. 19 tudo do RDE. Transgressão grave, fica PRESO por
    24h no QCG, permanece no comportamento BOM.

    1.7) Ao Sd. BM nº 495 Heidemax da Cruz Passos, por ter no dia 21 de janeiro de 2012 faltado ao serviço de
    escala extra do Pré-Caju e contrariado a Portaria nº 297/2010 – Aj. Geral em seu Art. 1º, incorrendo nos itens 09 e 25
    do Anexo I do RDE, com as atenuantes dos incisos I e II, do art. 19 tudo do RDE. Transgressão grave, fica PRESO por
    24h no QCG, permanece no comportamento BOM.

    1.8) Ao Sd. BM nº 530 Douglas Santos Leite, por ter no dia 20 de janeiro de 2012 faltado ao serviço de escala
    extra do Pré-Caju e contrariado a Portaria nº 297/2010 – Aj. Geral em seu Art. 1º, incorrendo nos itens 09 e 25 do
    Anexo I do RDE, com as atenuantes dos incisos I e II, do art. 19 tudo do RDE. Transgressão grave, fica PRESO por
    24h no QCG, permanece no comportamento BOM.
    OBS.: Punição imposta em solução a Homologação do PAAD instaurado pela Portaria nº 001/2012/3º GBM,
    publicado no BGO nº 107 de 19/09/2012.

    ResponderExcluir
  50. "Médicos pedem e Déda suspende atividades eleitorais"

    Seu juízo final está chegando.

    Tudo será lembrado.

    ResponderExcluir
  51. Cabe, após provocado, reparação dessa situação por parte do poder judiciário mesmo a contragosto. A lei deve prevalecer é por isso que existe. Se é para deixar a critério de cada administrador então o inferno seria aqui.
    Cabe reparação e ação regressiva contra o Lord Lord Farquaad .
    O próprio Ministério Público Federal deve ser oficiado pelos advogados dos perseguidos. É uma Lei de tutela da PGR, inclusive no caso dos PMs na auditoria. Não pensem que a PGR/Se não está sabendo, mas estão caladinhos por algum motivo, todavia provocados cessa a omissão.

    ResponderExcluir
  52. Sim e portaria de Comando dos Bombeiros revoga lei federal é?

    Outra coisa, o processo disciplinar caducou a muitos messes, o prazo é de oito dias de duração. Este é o prazo fixado no artigo 12, § 6° do RDE.

    Procurem advogados da AMESE e vão a justiça, detalhe, subam até o STJ, pois aqui sabemos.

    ResponderExcluir
  53. Cap. BM Carlos Alves voce é um filho de uma puta, baba ovo safado. Sua galinha desmoralizada. Assuma que voce é viadinho. Saia do armário

    ResponderExcluir
  54. APÓS O VEXAME QUE OS DOIS PROMOTORES DA SEXTA VARA PASSARAM NAS MATÉRIAS DA TV SERGIPE E TV ATALAIA AGORA A SETV 2 EDIÇÃO FEZ AQUELE VELHO TRABALHO SUJO PARA PROTEGER O ESTADO, O COMANDANTE DO BOMBEIRO E OS DOIS PROMOTORES.
    A MATÉRIA FOI TOTALMENTE TENDENCIOSA E SÓ OUVIU UM LADO. O LADO DO ESTADO, O LADO DO PORTA-VOZ DO COMANDANTE DO BOMBEIRO E OS DADOS DA PROMOTORIA DA SEXTA VARA CRIMINAL.
    ISENÇÃO ZERO !
    PARA NÃO PASSAREM VERGONHA NÃO OUVIRAM EDGARD NEM O ADVOGADO MÁRLIO DAMASCENO.
    ISSO TAMBÉM É BOM SINAL QUE ELES ESTÃO SENTINDO A REPERCUSSÃO NEGATIVA, PRESSÃO, VERGONHA E COMEÇARAM A MANIPULAR MATÉRIAS TELEVISIVAS PARA JUSTIFICAR ESSA PERSEGUIÇÃO. É A MESMA TÁTICA DA PROPAGANDA DE HITLER PARA CONVENCER O POVO ALEMÃO QUE PERSEGUIR JUDEU ERA ESSENCIAL PARA A SUPREMACIA DA RAÇA ARIANA.
    TEM JEITO NÃO ! O DESESPERO JÁ BATEU LÁ KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    ResponderExcluir
  55. ESSA REALMENTE NOS REPRESENTA25 de setembro de 2012 15:38

    DEFICIÊNCIAS NO HOSPITAL DA POLÍCIA MILITAR SE AGRAVAM.
    MPE entra com Ação Civil Pública em face do Estado e Fundação


    Audiência na manhã desta terça-feira, 25 na Promotoria de Saúde (Fotos: Portal Infonet)

    Em virtude de denúncias de deficiências na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) e Centro Cirúrgico do Hospital da Polícia Militar de Sergipe, feitas pela Associação dos Militares do Estado de Sergipe (Amese) e do não cumprimento de um Termo de Audiência em 22 de maio de 2012 para que a administração do hospital enviasse relatório no prazo de 20 dias, a promotora de Saúde, Euza Missano, após constatar por meio da Coordenação de Vigilância Sanitária (Covisa) que não houve melhorias, decidiu ajuizar uma Ação Civil Pública visando a reestruturação da unidade de saúde.
    Em audiência nesta terça-feira, 25, a representante da Coordenação de Vigilância Sanitária (Covisa), Isabel Cristina Andrade informou que foi realizada uma inspeção sanitária em 30 de março de 2012 e uma reinspeção com emissão de relatório em 05 de setembro de 2012, constatando uma situação difícil para funcionamento do Hospital da Polícia Militar e que o relatório geral foi entregue aos gestores do HPM e à Secretaria de Segurança Pública (SSP).

    George Araújo: "Os maiores problemas são por conta da falta de profissionais"
    “Os principais pontos de gravidade sanitários encontram-se atrelados à Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH), medicamentos e estrutura do centro cirúrgico. O HPM não possui pessoal suficiente, necessitando recorrer ao IPESAÚDE. A situação é grave e merece correção imediata, há risco sanitário, podendo gerar riscos aos pacientes”, enfatiza.
    Contraponto
    O diretor financeiro do HPM, George Araújo informou que o HPM é um hospital público da Administração Direta da Secretaria de Segurança Pública (SSP) de dotação orçamentária própria, constitui unidade hospitalar com independência orçamentária através de receitas oriundas do IPESAÚDE e Fundação Hospitalar de Saúde, somando anualmente cerca de R$ 2 milhões, equivalente a R$ 200 mil por mês para manter os leitos da UT

    ResponderExcluir
  56. Essas punições são espécies de testes para sentir, ter uma dimensão do grau de repercussão negativa de uma futuro processo por motim, caso a juíza venha aceitar a denúncia.

    Vejam a turma foi punida por um período diminuto e ao que parece, não tiveram o comportamento rebaixado. Não é estranho? Acreditem é um teste sobre a reação social. A partir do atingimento dos bombeiros que são militares amados pela população, eles poderão observar o nível de repercussão do processo do motim. A coisa está sendo bem orquestrada, mas não se preocupem, o mal se destrói por si.

    Mas não se intimidem! Na hora vamos cai pra o tudo ou tudo, cidadão de bem não tem!

    Estes promotores vão ficar sós. Até os colegas deles, nos bastidores, demostram insatisfação, pois eles sabem que tudo isto é para proteger os interesses dos envolvidos no PRÉ-BAHIA! E sabem que isto pode dar numa merda sem precedentes.

    Fiquem em paz, homens de bem!

    ResponderExcluir
  57. Edgard Menezes lamentou ausência de representantes da SSP
    “A parte financeira representa de 20% a 30% dos problemas do HPM, sendo que 80% dizem respeito a recursos humanos. Diferente do IPESAÚDE, que é uma autarquia, a gente fica na dependência de contratados. Fica engessado e ao mesmo tempo que tem que gerir, não pode contratar. Não temos infectologista na CCIH e nem enfermeiro fixo. São três leitos de UTI em funcionamento, mas a capacidade instalada é para seis, só que não temos equipe multiprofissional”, destaca lembrando que desde 2006 não é realizado concurso para médico, enfermeiro e técnico.
    O diretor clínico do HPM, Eudo Mendonça explicou que há dois meses a CCIH passou a funcionar com a participação de médico não infectologista. “Há vários problemas no HPM a serem solucionados, mas atualmente temos uma escala completa para atender três leitos de UTI, composta por médicos militares, médicos civis cedidos pela SSP e médicos do IPESAÚDE”, afirma.
    A representante Fundação Hospitalar de Saúde, informou que existe um convênio com o HPM, sem estabelecer metas para o hospital, fazendo a assistência de acordo com a demanda, bem como repasse financeiro. Já o representante da Secretaria de Estado da Saúde destacou que a SES não possui qualquer gerenciamento sobre o HPM, que está ligado diretamente à SSP.
    Amese
    O presidente da Amese, sargento Edgard Menezes, lamentou que a situação não tenha melhorado e a ausência de representantes da Secretaria de Segurança Pública. “Pelo relatório está tudo complicado. Nada serve. A Junta Médica funciona no andar superior. Tem policiais militares pós-operados e cadeirantes que precisam ser levados nos braços para o setor. É lamentável a ausência em audiência de representante da SSP para tomada de decisão, já que o HPM é um departamento da Polícia Militar gerenciado pela SSP, a secretaria tem a obrigação de auxiliar nas demandas do prédio. Ou o Governo assume o hospital, ou fecha”, entende.
    “Nós instauramos um inquérito civil para apurar as condições de funcionamento do HPM. Fizemos as notificações necessárias e a situação perdura, se agravando desde agosto de 2011. Com o relatório da Vigilância Sanitária, requisitado pelo Ministério Público, verificamos que a situação é muito mais grave. Não resta outra alternativa a não ser judicializar. A Ação será ajuizada para que o hospital seja reestruturado na parte de centro cirúrgico e UTI. Se eu tenho capacidade instalada para seis leitos de UTI e só funciono três e tenho equipamentos para seis, não há justificativa para ocorrência desses fatos. Vamos levar isso ao Poder Judiciário para que haja a garantia do atendimento”, esclarece a promotora Euza Missano.
    Fonte: Infonet (Aldaci de Souza)

    ResponderExcluir
  58. Sgt Vieira e Sgt Edgar na carreata no domingo qual sua maioria sera composta por policiais militares deveremos comparecer desarmados? pq é um ato de eleiçao? Veja bem tenho um irmao candidato a prefeito e meu carro está plotado com a propaganda do mesmo tenho santinhos dentro do carro mas ele é do interior e circulo na capital, por esse motivo tenho que andar desarmado?Veja bem nao é pq ele é candidato é o minimo de apoio que dou a ele com a circulaçao de meu carro,e com isso estarei constrangendo eleitores? quer dizer que se eu passar com meu carro em uma passeata ou uma carreata de um vereador que nao conheça e cismem que estou na campanha serei presopor estar armado? e meu direto de ir e vir por ser militar ele nao é respeitado?

    ResponderExcluir

    ResponderExcluir
  59. Sou coronel da reserva e sei como fuciona isso ai, na verdade trata-se de perseguição em que não vai da em nada isso tudo que estão fazendo com esses homens. O comando a época errou e agora quer descontar nos militares que não tem nada a ver com isso. na verdade ouve uma audiencia em que ficou esclarecido muito antes de começar o pré caju em que só iriam os voluntarios para esse evento, agora querem a todo custo punir bombeiros e pm que não forão voluntarios e tiveram seus nomes na escala, só para agradar ao governador.

    ResponderExcluir
  60. LIGADO NO MOVIMENTO25 de setembro de 2012 16:04

    É VERDADE, EM QUANTOS ELES TENTAM ME PUNIR POR TER DOADO SANGUE EM MINHA FOLGA QUE NEM VOLUNTÁRIO FUI, EU ESTOU NAS RUAS ABORDANDO E PRENDENDO MELIANTES EM DEFESA DA SOCIEDADE E NO ESTRITO CUMPRIMENTO DO MEU DEVER. QUE PENA.

    ResponderExcluir
  61. Chama; Nailson vc é o pior chupa ovo de governador que essa corporação já teve ate o dia de hoje o que um homem deve fazer por um cc vc chegou ao fundo do poço vc é um homem sem carater e sem moral vc é desprezivel diante a sua tropa vc é um grande covarde que vendeu sua alma por um cc alias vc nunca foi um homem de carater ex disso é seu irmão que preferiu ficar na PM do que ir para o BM pois conhecer muito bem o carater de filho da puta que vc tem ionaldo peça para ser excluido do posto de subcmt vc tem muito mais carater e valor do que esse seu cc que ta fazendo de vc uma sombra do homem que um dia vc pareceu ser.

    ResponderExcluir
  62. Cel BM Nailson fez isso para massagear o ego de Deda, Fabiano Oliveira e o Cel Carlos Augusto!!!! O Deda tem tanto ódio dos militares sergipanos que até deu um nó nas tripas e está indo para São Paulo!!!! DEDINHA MALVADEZA DEVERIA IR PARA O HUSE E NÃO PARA O SÍRIO LIBANÊS!!!!

    ResponderExcluir
  63. Qual foi a média de Naison no CFO???????? Esse sacripanta só fez isso para continuar no comando!!!! Prá Nailson os meios justificam os fins, nem que para conseguir seu objetivo tenha que perseguir profissionais exemplares e pais e mães de família!!!!

    ResponderExcluir
  64. O SGT EDGAR DEU A RESPOSTA NO JORNAL DA TV ATALAIA.

    ResponderExcluir
  65. Bombeiros poderão ser presos acusados de indisciplina

    Se recurso não for aceito, bombeiros serão presos por 24h

    Oito bombeiros militares estão em iminência de prisão até a próxima sexta-feira, 28, em decorrência de acusações por não cumprimento de trabalho durante o Pré-Caju. Após a publicação de um Boletim Geral Ostensivo (BGO) na data da última segunda-feira, 24, os bombeiros tem o prazo de cinco dias para entrar com uma reconsideração de ato provando sua inocência. Em caso de não reconhecimento do BGO pela corporação, os bombeiros deverão ser punidos com 24h de prisão na próxima semana.

    De acordo com o capitão Carlos Alves, assessor de comunicação do Corpo de Bombeiros Militar de Sergipe (CBMSE), a prisão será de cunho domiciliar, uma vez que a corporação não possui instalações para detenção. “É importante ressaltar que a prisão é prevista pelo regulamento da corporação, sendo uma punição disciplinar”, diz o capitão. Carlos Alves completa: “Não há materialidade na prisão. A única coisa que muda é que a ocorrência constará na ficha dos acusados, podendo interferir posteriormente como agravante em potenciais infrações”.

    Caso o pedido de reconsideração dos bombeiros seja aceito, Carlos Alves diz que a nulidade do procedimento será publicada em novo BGO. “Haverá a retomada dos autos do processo, e serão feitas acariações relatando que as alegações foram constatadas como satisfatórias”, diz.

    Acusação

    Os bombeiros são acusados de terem feito doações de sangue após receberem a notificação de que estariam escalados para o trabalho durante o Pré-Caju. O atestado médico de doação interpretado como inválido pela corporação, uma vez que o regulamento inclui o aviso prévio nestes casos. O processo administrativo foi instaurado no mês de março. Os policiais alegam estarem amparados na legislação e em um termo de ajustamento de conduta assinado pela promotora de justiça Euza Missano.

    http://www.infonet.com.br/cidade/ler.asp?id=134294&pagina=1

    ResponderExcluir
  66. prisão será de cunho domiciliar" / "Não há materialidade na prisão"

    Está com medo, nana?

    Agora a preisão será em casa?

    Isso não retirará os processos contra vc. Nós iremos fazer uma grande festa em cima do seu dinheiro.

    ResponderExcluir
  67. Bom dia amigos,

    Estamos vencendo, estamos vencendo e venceremos de forma limpa !
    Sobra a vergonha aos nossos perseguidores.

    Jesus está no controle.
    Amém.

    ResponderExcluir
  68. Porte de armas de policiais. Portaria da SSP é ilegal
    a portaria da SSP que regula o porte de armas de policiais civis, policiais militares e bombeiros militares nas eleições 2012 é ILEGAL. Segundo o Estatuto do Desarmamento e seu Decreto regulamentador, as autoridades competentes para regulamentar o porte de arma de fogo pertencente as corporações são seus respectivos Superintendente de Polícia Civil, Comandante Geral da Polícia Militar e Comandante Geral do Corpo de Bombeiros Militar.
    extraído do blog de Claudio Nunes (escrito por um coronel PM)

    ResponderExcluir
  69. Caros Colegas Sergipanos,

    Tenho acompanhado vossas lutas e Brasília não está diferente; esse partido dos PTralhas acabou com nossas instituições e com nosso país e se continuarem perpetuando no poder farão um estrago de proporções incalculáveis.

    Estamos passando em Brasília por um processo de mobilização permanente onde a Polícia Civil está de greve e nós, impedidos pela legislação constitucional, estamos na chamada OPERAÇÃO LEGALIDADE (fazemos somente aquilo que a constituição determina em seu Art. 144, item 5) e isso deixou o governo em alvoroço. A criminalidade aumentou absurdamente e chega-se a média de um sequestro relâmpago por dia. Teve período que só num final de semana houveram 16 homicídios.

    Concito aos senhores que usem a inteligência para pressionar o governo, pois o governo federal já bloqueou todos os governadores de seu partido com relação a aumentos salariais. A desmilitarização voltou a ser tema, mesmo o Brasil se recusado em seu relatório a adotar práticas para a desmilitarização das polícias, de 170 sugestões sendo a única rejeitada completamente.

    Portanto, nobres colegas, estamos solidários aos senhores e está em andamento nas redes sociais uma petição pública para colhermos assinatura e forçarmos o governo a acabar definitivamente com as PMs do Brasil.
    Assinem essa petição no endereço: http://www.peticaopublica.com.br/?pi=P2012N28583

    Grande abraço a todos,

    Ps: Capitão Mano solicito que adicione meu blog a sua lista de blogs para que esse intercãmbio possa se fortalecer.

    Tenente Poliglota...
    (tenpoliglota2012.blogspot.com.br)

    ResponderExcluir
  70. Caros barnabés estamos sempre questionando qual é o melhor comandante da nossa centenária policia militar, mais todos os oficiais que chegam ao patamar máximo da nossa policia não resolve o problema porque eles próprio não sim intende eles estão sempre procurando tira o melhor proveito do comando e fazem grupinho para se proteger, mais deixa outra instituição mandar, uma instituição com menor numero de policial uma instituição que tem seus chefe os delegados e depois da constituição de 1988 tiveram, que ser bacharel de direito uma instituição com 24 anos de existência mais mostra superioridade sobre os nossos oficiais que somos uma policia mais velha e não tivemos que mudar nada na função de chefia que é de coronel mesmo depois da constituição de 1988 permaneceu coronel comandando, mais antes da constituição 1988 qualquer um era delegado, hoje eles estão mais próximo do secretario de segurança pública porque são o tão falado delegado de carreira; eles são mais úmidos mesmo com diferencia entre eles não deixa atrapalhar seus objetivo, já os nossos coronéis eles ficam pesando pequeno não olho para frente, nos temos o maior efetivo somos a policia mais velha e a nossa função é completamente deferente da deles, mais aos poucos somos colocado para traz porque os nossos chefes não se unem, estar aprova a nossa policia sucateada, prédios velhos, policiais com farda velhas, alimentação ruim, comunicação péssima, o dinheiro que o estado repassa para despesa da policia já teve comandante que devolveu dinheiro; o cargo de secretario de segurança pública não pertence a nem a policia militar, bombeiro militar e nem policia civil, o secretario da segurança pública ele é o elo de comunicação direta das policia com o governador não pertenci a nem uma das policias pela sistema de comando vem a primeiro policia militar, segundo bombeiro militar e terceiro a policia civil, quem comanda a policia civil é o superintendente não o secretario de segurança pública ele é o responsável por todas as três policias; senhores coronéis vamos nos respeitar vamos fazer o básico a lei estar do nosso lado, cada um fazendo o seu papel vamos nos valorizar nos policiais militares já carreguemos o estado nas costa muito tempo. Por uma policia militar forte.

    ResponderExcluir
  71. Cel. Nailson, faça uma profunda reflexão dos seus atos enquanto Comandante Geral e perceba quantos Homens de bem vc está prejudicando ou já prejudicou. Nossa tropa não suporta e não aguenta mais tanto terror e opressão. Pedir para sair seria mais digno e honroso da sua parte. Vc e sua "equipe" não tem mais nenhuma condição de gerir ou administrar a Corporação.
    Perseguição,humilhação e prepotência não leva o Ser Humano a nada.Lembre-se de uma lei da Física que diz: "Para toda ação existe uma reação". Sua visão é ultrapassada. DITADURA já ficou no tempo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. TÁ NA HORA DE RESOLVER ESSES PROBLEMAS, SE ALGUEM FOR EXCLUIDO POR ESSES VERMES, ALGUEM VAI TER MORRER NÃO VAMOS DEIXAR NOSSAS FAMILIAS PASSAR FOME POR CAUSA DESSES RIDICULOS. É SÓ PAGAR PRA VER.

      Excluir
    2. companheiros kd o nosso deputado em....CAPITAO SAMUEL NOS AJUDE RAPAZ.....

      Excluir
  72. Vai sair Nailson, ou vai pedir para viajar com a Dielle, desculpas do medo de sair do comando.

    ResponderExcluir
  73. O corobé Yunes esta só aguardando o final do pleito eleitoral para voltar ao Rio de Janeiro.

    ResponderExcluir
  74. CORONEL JACSON ESTA TAMBÉM NA LUTA DO COMANDO DA BRIOSA POLÍCIA MILITAR DE ESTADO DE SERGIPE, QUE TRANQUILIDADE VAI SER, OPÁ!

    ResponderExcluir



  75. Publicado em: 26/09/2012 08:55:09
    AMESE DIZ QUE NÃO HÁ CRIME DE MOTIM

    A amese está, através do seu presidente e vice, sargento Edgard Menezes e capitão Ildomário, está divulgando um oficio onde explicam que não há crime de motim, praticado pelos policiais e bombeiros militares, que participaram dos movimentos realizados pelas Associações, em busca de melhores salários e condições de trabalho da classe militar.

    Veja o que explica a AMESE:

    Antes que o associado ou simpatizante da Associação de Militares de Sergipe efetue a leitura deste texto, quero alertá-los que meu objetivo não é tornar-me articulista jurídico, longe disso. Aliás, não sou advogado, muito menos bacharel em Direito.


    O pouco conhecimento jurídico que possuo foi-me ofertado durante os três anos nos quais tive a grata oportunidade de frequentar o Curso de Formação de Oficiais na Academia de Polícia Militar do Distrito Federal. Dentre as disciplinas que faziam parte da grade curricular do CFO, encontrava-se o estudo do Direito Penal Militar. Tal cadeira era ocupada por eminentes estudiosos da área que nos mostravam a teoria científica da legislação repressora castrense e sua aplicação prática nos diversos julgamentos que tive a oportunidade de assistir à época.



    Na qualidade de vice-presidente interino da AMESE, sou acionado, juntamente com o amigo Sargento Edgard, por diversos militares do grupo que está sendo denunciado ou indiciado por uma suposta prática do crime militar previsto no artigo 149 do Código Penal Militar. Faz-se necessário o registro de que muitos destes militares nos procurambastante nervosos devido à preocupação com o risco de uma prisão e a consequente exclusão dos quadros da instituição militar de que fazem parte. Não foram poucas as vezes, inclusive, de presenciarmos colegas virem às lágrimas por toda a pressão que estão recebendo nas diversas audiências realizadas e o consequente lançamento de seus nomes na lista de acusados do sítio eletrônico do Tribunal de Justiça de Sergipe.



    O objetivo deste texto é tranquilizar o militar estadual, seja ele da Polícia Militar ou do nosso brioso Corpo de Bombeiros, para prestar alguns esclarecimentos que, ao ver desse humilde escritor, não encontrarão prosperidade alguma, caso cheguem efetivamente às raias do Poder Judiciário .



    No mês de novembro de 2011, enquanto exercia o cargo de presidente desta associação, o 2º Sargento Jorge Vieira da Cruz, por meio de denúncias à imprensa fartamente divulgadas, alertara o Poder Executivo estadual acerca da situação de irregularidade em que se encontravam algumas viaturas da Força Pública estadual. Dentre as faltas relacionadas podem ser citadas a falta de pagamento do licenciamento anual, do seguro obrigatório, ausência de placas de identificação, de lacre de segurança. Além destas, acrescentam-se a falta de equipamentos obrigatórios de segurança e a ausência de condições mecânicas que permitiam a eficiente prestação do serviço de policiamento ostensivo e a própria segurança dos policiais que utilizassem aqueles veículos.



    O Código Penal Militar, em seu artigo 42, assim se manifesta:

    Art. 42. Não há crime quando o agente pratica o fato:

    (...)

    III - em estrito cumprimento do dever legal;

    (...)

    Diversos penalistas defendem a tese de que é impossível que em um ordenamento jurídico, que se entende como perfeito, uma norma proíba aquilo que outra imponha ou fomente.

    ResponderExcluir
  76. AMESE CONTINUAÇÃO26 de setembro de 2012 05:34

    . O artigo 7º do CTB estabelece que as polícias militares fazem parte do Sistema Nacional de Trânsito, atribuindo-lhes algumas competências no sentido de executar a fiscalização de trânsito. Não foram poucos os que já foram autuados pelas briosas companhias de trânsito e rodoviária de nossa Força Pública em virtude de infringirem os diversos artigos previstos na legislação.



    Suponhamos que o policial militar, nas diversas abordagens que executa diariamente, depare com um condutor de veículo que se encontre em desacordo com a legislação pátria de trânsito. Será sua obrigação autuar o condutor infrator e adotar as demais medidas legais e administrativas pertinentes ao caso. Se não dispuser dos conhecidos talonários de autuação e/ou bafômetro, deverá envidar esforços para convocar a guarnição de Policiamento Ostensivo de Trânsito mais próxima, para que se adotem todas providências relativas ao caso.



    Como autoridade policial, o PM tem o DEVER de agir ao deparar com quaisquer irregularidades de trânsito, sob a pena de se ver processado pela prática do crime previsto no artigo 319 do CPM, qual seja o de prevaricação.



    Mesmo tendo sido alertado com relativa antecedência, o poder público quedou-se silente em relação à regularização dos veículos automotores destinados ao policiamento ostensivo ordinário, vindo apenas recentemente a solucionar este problema.



    Cerca de 100 militares de polícia estão sendo processados pela prática do crime de motim, por terem se negado a dirigir viaturas que se encontravam em desacordo com a previsão legal do Código de Trânsito Brasileiro.



    A conduta de quem se nega a dirigir uma viatura em situação de irregularidade não é antinormativa, mas sim imposta pela norma. Tais veículos não deveriam estar em circulação em nenhum momento se a legislação fosse cumprida à risca e é isso o que a sociedade espera de um agente policial. O imperador Júlio César certa vez afirmara: A lei e a ordem somente existem em Roma graças às legiões de soldados, corroborando historicamente o fato de os agentes públicos ostensivos de segurança zelarem pela tranquilidade social.



    O Ministério Público Militar denunciou os militares pelo crime de motim, a meu ver equivocadamente, pelo fato da recusa de dirigir veículos irregulares. Não se ativeram ao problema do conflito de normas (antinomia), que surgiu com tal ação. No dizer do penalista Zaffaroni, em seu Manual de Direito Penal Brasileiro: “a lógica mais elementar nos diz que o tipo não pode proibir o que o direito ordena e nem o que ele fomenta”.



    Caso mais emblemático é o dos cerca de 200 militares cujos inquéritos policiais militares ainda se encontram sob análise do Ministério Público Militar, que a princípio podem ser processados, também por motim, por haverem efetuado doação de sangue.

    ResponderExcluir
  77. AMESE CONTINUAÇÃO26 de setembro de 2012 05:36

    Retornando ao artigo 42 do Código Penal Militar, encontramos também como excludente de ilicitude:

    Art. 42. Não há crime quando o agente pratica o fato:

    (...)

    IV - em exercício regular de direito.

    A Lei Federal nº 1.075, DE 27 DE MARÇO DE 1950, assim estabelece:

    (...)

    Art. 1º Será consignada com louvor na folha de serviço de militar, de funcionário público civil ou de servidor de autarquia, a doação voluntária de sangue, feita a Banco mantido por organismo de serviço estatal ou para-estatal, devidamente comprovada por atestado oficial da instituição.

    Art. 2º Será dispensado do ponto, no dia da doação de sangue, o funcionário público civil, de autarquia ou militar, que comprovar sua contribuição para tais Bancos.

    Art. 3º O doador voluntário, que não for servidor público civil ou militar, nem de autarquia, será incluído, em igualdade de condições exigidas em Lei, entre os que prestam serviços relevantes à sociedade e à Pátria.

    (...)

    Ora, não se pode qualificar a conduta de os militares terem doado sangue como criminosa pelo fato de a doação de sangue ser fomentada pelo estado, inclusive, através de lei. Prova disso são diversos sítios eletrônicos governamentais fazendo publicidade acerca da importância do regular abastecimento dos diversos bancos de sangue do estado e as campanhas realizadas às vésperas de grandes eventos festivos, Carnaval e festas juninas.



    Acredito piamente ser um direito de qualquer cidadão, e entre estes cidadãos figura o militar estadual, efetuar a doação de sangue desde que se encontre em condições mínimas preestabelecidas de saúde. Se me permitem o desabafo, queria eu poder exercer este ato de solidariedade e amor ao próximo! Porém, devido à enfermidade de que estou acometido, encontro-me impedido.



    Caso todas as denúncias sejam levadas adiante, através da via costumeiramente percorrida pelo juiz, haverá o momento em que o conselho de justiça militar passará a verificar as condições de existência das causas de excludente de ilicitude, as quais foram debatidas no decorrer do texto.



    No dizer do antigo ministro do STJ, Francisco de Assis Toledo:

    “Exigir-se que, nesse caso, o agente se defenda utilizando-se de alguma causa de justificação ou de exclusão da culpabilidade é permitir-se que o cidadão, que age dentro dos padrões dominantes na sociedade em que vive, deva prestar contas, isto é, deva justificar-se a respeito de um comportamento aceito, normal, praticado pela generalidade das pessoas ou, em certos casos, até necessário para o bom andamento das relações sociais”.

    Lida a citação, fica a pergunta: seria a doação de sangue necessária para o “bom andamento das relações sociais”?



    Com a resposta, o penalista Mir Puig:



    “Não se pode castigar aquilo que a sociedade considera correto”.

    ResponderExcluir
  78. AMESE CONTINUAÇÃO26 de setembro de 2012 05:38

    É por este motivo que se ventila entre alguns advogados que conheço que: “o Ministério Público quis pegar os pássaros com as mãos, mas só conseguiu ficar com as penas entre os dedos”.



    Além de tudo que foi discorrido no texto, quero chamar a atenção de que diversos outros militares que faltaram ao serviço em um determinado evento realizado no mês de janeiro foram punidos administrativamente. Já estes 300 poderão ingressar na seara penal militar, correndo o risco – possibilidade que achamos remotíssima - de serem condenados a uma pena mínima de 4 anos de reclusão.



    Como se não bastasse, um representante do Poder Executivo estadual, em Termo de Ajuste de Conduta firmado pelo próprio Ministério Público Estadual, afirmara que todos os militares que trabalhariam no evento foram voluntários para o mesmo. Tamanha era a veracidade disto que o próprio Ministério Público Militar afirmou, em cota, que todos aqueles que firmaram requerimento para não serem escalados estariam imunes a qualquer acusação criminal. Resta identificar qual foi o Boletim Geral Ostensivo ou Diário Oficial do Estado que publicara a possibilidade de os militares firmarem requerimento solicitando o “não-escalamento”, sob o risco de se ver mais um julgamento ser prejudicado pela irregular inversão do ônus da prova.



    Em recente publicação em boletim, diversos bombeiros militares foram punidos administrativamente por haverem realizado doação de sangue e, consequentemente, gozado um dia de folga. Juridicamente, esta punição disciplinar tem todo o encaminhamento ao fracasso, pelos mesmos motivos elencados anteriormente.



    Reforço mais uma vez o objetivo deste texto no sentido de tranquilizar todos os militares envolvidos neste processo, assim como seus familiares, confirmando, à luz da legislação, não haver a prática de qualquer tipo de crime.



    Nossos advogados estão disponíveis para todos aqueles envolvidos neste processo e que se sintam prejudicados pela forma como o caso vem sendo tratado, ainda que haja algum envolvido que não seja associado.



    Caso o militar prejudicado não tenha o interesse em utilizar os serviços de um advogado da AMESE, pedimos que imprima este texto e apresente-o ao advogado de sua preferência.

    Concluo, acreditando na justiça e na consequente absolvição de todos os senhores e deixo meu telefone de contato para qualquer tipo de esclarecimento, assim como o do presidente da entidade, o Sargento Edgard:

    - Ildomário Santos Gomes
    - Edgard Menezes
    ILDOMÁRIO SANTOS GOMES
    Vice-presidente interino da AMESE

    ResponderExcluir
  79. Externo aqui toda a minha repugnância com o que está sendo feito com o Cb. Natanael da 3ª\1º, um cara como poucos nesta PM, que gosta de estar nas ruas fazendo o bem às pessoas, sempre ligado no serviço, abordando, prendendo,disposto a dar a vida pelos parceiros e pela sociedade. Em um determinado dia esse Cb estava sozinho no PAC em virtude da dispensa médica do parceiro. Chegou então um cidadão alegando que teria sido assaltado. O Cb informou ao COPOM que prontamente acionou outra vtr e pediu que o cidadão retornasse ao local p\ agurdar a vtr. Este cidadão saiu e não retornou mais. Depois foi quexar-se ao 01 que intimou o Cb e passou a humilhá-lo baseado apenas no relato do cidadão. No mesmo dia o Cb foi transferido para o interior do Estado e, coincidentemente, veio uma ordem do 01 para que a vtr da área ficasse fazendo PB FIXO EM FRENTE AONDE O CIDADÃO MORA DURANTE TODO O SEVIÇO DE 12HS. Quem é este influente cidadão que quando foi assaltado teve a PM diuturnamente em sua porta? Qual a relação dele com o 01(deve ser muito boa)? Peço aos colegas que divulguem e pensem bem nisto, pois apesar de tudo que falam do 01, achei que aqueles que gostam trabalhar com seriedade seriam mais respeitados.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amigo, provavelmente o cara que foi transferido para o lugar deste cb. tbm é um excelente profissional e coincidentemente foi transferido nas mesmas circunstâncias. Por conta de fofoca que se quer foi apurada. No entanto, sobrou para o "pobre" praça que sempre é feito de bode expiatório pra agradar ao sistema.
      TAKIPARIU!
      Êita puliça qui num muda!!!!

      Excluir
    2. puta que pariu estou decepicionado com iunes, ele não deu nem chance de defesa ao cb, além de desmoralisar transferiu no mesmo dia para propriá e ainda abriu ipm.

      Excluir
  80. DECEPÇÃO É POUCO PARA ESSE OFICIALATO QUE SE JULGA MELHOR QUE A INSTITUIÇÃO EM SI. TENHO ORGULHO DE PERTENCER AS FILEIRAS DA POLICIAL MILITAR, E COMO TAL, ME VALORIZO E ME DOU O DEVIDO RESPEITO. MAS ESSA CORJA, QUANDO CHEGA NA CADEIRA DE COMANDO, ATÉ A RAPARIGA DE UM VIGIA DE VEREADOR MANDA MAIS.
    É POR ESSAS E OUTRAS, QUE NÃO NOS VALORIZAM, PQ SOMOS(POLICIA MILITAR) TOTALMENTE SUBSERVIENTES AOS POLITICOS E POLITIQUEIROS DE PLANTÃO.

    ResponderExcluir
  81. Essa promoção por ato de bravura é uma das coisas mais indecentes que existe na corporação, são critérios totalmente subjetivos para se promover quem quiser,menos o praça lascado sem nenhum peixe.

    ResponderExcluir
  82. Chama: Com tudo que esta acontecendo no cbmse por esse cmt filha da puta que o governador nomeou Nailson tenho me perguntado sera que não aprendemos nada sera que não iremos tomar qualquer atitude de defesa sera que temos de ser humilhados e nada fazer em defesa de nós mesmos.Diga não a escala extra (coloquem atestado )vaos deixar de ser besta lembre-se vc faz a diferença se assim tiver coragem

    ResponderExcluir
  83. EU QUERO QUE NESSE MOMENTO A TROPA NÃO NOS ABANDONE, EU FALO DOS BOMBEIROS QUE JÁ ESTÃO PUNIDOS E NÓS DA PM QUE ESTAMOS AI A PONTO DE SER PROCESSADO OU QUEM SABE EXCLUIDOS QUE DEUS NOS AJUDE E OLHE POR NÓS. MUITOS SÃO PAIS DE FAMILIA E NÃO MERECEMOS O QUE ESTÁ ACONTECENDO. TROPA PESSO-LHE INCARECIDAMENTE IMPLORO SE FOR PRECISO MAIS NÃO NOS DEIXE SÓ. ESTOU NA VERDADE DESISPERADO EM SILENCIO PARA NÃO REFLETIR EM MINHA FAMILIA, PAI,MÃE IRMÃOS E FILHOS. CONFIO NOS SENHORES~, NÃO VAMOS DEIXAR QUE ESSA INJUSTIÇA ACONTEÇA.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Irmão, tenha calma, não vai acontecer nada, sou guerreiro e não vou deixar que os senhores caiam sozinho, esse ano que vem eu mesmo vou doar sangue e não vou participar de evento nenhum. E com certeza a tropa não vai abandonar vcs, estamos juntos nessa luta. Fica em paz e tranquilo irmão.

      Excluir
    2. tenha calma amigo Deus proverá.

      Excluir
  84. Caros barnabés estamos sempre questionando qual é o melhor comandante da nossa centenária policia militar, mais todos os oficiais que chegam ao patamar máximo da nossa policia não resolve o problema porque eles próprio não sim intende eles estão sempre procurando tira o melhor proveito do comando e fazem grupinho para se proteger, mais deixa outra instituição mandar, uma instituição com menor numero de policial uma instituição que tem seus chefe os delegados e depois da constituição de 1988 tiveram, que ser bacharel de direito uma instituição com 24 anos de existência mais mostra superioridade sobre os nossos oficiais que somos uma policia mais velha e não tivemos que mudar nada na função de chefia que é de coronel mesmo depois da constituição de 1988 permaneceu coronel comandando, mais antes da constituição 1988 qualquer um era delegado, hoje eles estão mais próximo do secretario de segurança pública porque são o tão falado delegado de carreira; eles são mais úmidos mesmo com diferencia entre eles não deixa atrapalhar seus objetivo, já os nossos coronéis eles ficam pesando pequeno não olho para frente, nos temos o maior efetivo somos a policia mais velha e a nossa função é completamente deferente da deles, mais aos poucos somos colocado para traz porque os nossos chefes não se unem, estar aprova a nossa policia sucateada, prédios velhos, policiais com farda velhas, alimentação ruim, comunicação péssima, o dinheiro que o estado repassa para despesa da policia já teve comandante que devolveu dinheiro; o cargo de secretario de segurança pública não pertence a nem a policia militar, bombeiro militar e nem policia civil, o secretario da segurança pública ele é o elo de comunicação direta das policia com o governador não pertenci a nem uma das policias pela sistema de comando vem a primeiro policia militar, segundo bombeiro militar e terceiro a policia civil, quem comanda a policia civil é o superintendente não o secretario de segurança pública ele é o responsável por todas as três policias; senhores coronéis vamos nos respeitar vamos fazer o básico a lei estar do nosso lado, cada um fazendo o seu papel vamos nos valorizar nos policiais militares já carreguemos o estado nas costa muito tempo. Por uma policia militar forte.

    ResponderExcluir
  85. COMPANHEIROS, SAMUEL DEPUTADO ESTADUAL, VIEIRA VEREADOR E EM 2014 CAP.ILDOMÁRIO PARA O SENADO !!!!!! EO MAJ. ADRIANO REIS DEPUTADO FEDERAL!!!!!

    ResponderExcluir
  86. DEP. CAP. SAMUEL X JACKSON BARRETO, QUEM SAIRÁ PERDENDO NESTA BATALHA????????? RESP: PMSE..............

    ResponderExcluir